Brasil será cabeça de chave na Copa do Mundo da Rússia

Comitê de Competições da FIFA definem regras para a Copa do Mundo da Rússia.

Por
Compartilhe

O Comitê de Competições da FIFA esteve reunido nesta quinta-feira em Zurique na Suiça para escolher o critério que será usado para o sorteio que definirá os grupos para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Sem alterar o formato do sorteio em relação aos últimos mundiais, o comitê decidiu continuar com o que vem sendo usado até então - serão quatro potes com oito seleções em cada, uma seleção sairá de cada pote para definir as chaves. Ao todo, serão oito grupos com quatro seleções em chave.

O Comitê de Competições da FIFA definiu que os cabeças de chave serão os sete melhores do ranking da FIFA que estarão na lista de outubro. Por exemplo, a última lista apresentada nesta semana, possui como cabeças de chave as seguintes seleções: Alemanha, Brasil, Portugal, Argentina, Bélgica, Polônia e Suíça, mais a Rússia como país-sede da Copa de 2018.

Igualmente como foi em Copas anteriores, apenas a Europa poderá ter mais de uma equipe no mesmo grupo, até porque é o continente que mais possui vagas – 13 ao total, uma vez que não tem como garantir lugar em chaves diferentes.

Além destas, o comitê da FIFA também definiu algumas datas de outros torneios, bem como o Mundial de Clubes de 2018, a Copa do Mundo Feminina de 2019 e os Mundiais sub-17 e sub-20 femininos de 2018.

 

Comentários