Eliminatórias: Brasil não perde há 12 anos para o Equador

Seleção entra em campo logo mais à noite defendendo uma invencibilidade de 12 anos sobre o Equador.

Por
Compartilhe

Se valer a história do confronto entre Brasil e Equador, a seleção comandada por Tite terá tudo para sair vitoriosa em mais uma partida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. O Brasil não perde para o Equador, adversário desta noite na Arena do Grêmio, desde abril de 2005. A última vitória do Equador sobre o Brasil ocorreu em Quito, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2006. Na ocasião, os equatorianos venceram os brasileiros pelo placar de 1 a 0.

A última vez que as duas seleções se enfrentaram foi em 2016, mais precisamente em 1º de setembro, na estréia de Tite sob o comando da Seleção Brasileira. Na época a partida entre Equador e Brasil era válida pela primeira fase das Eliminatórias da Copa do Mundo e terminou com uma goleada da Seleção Verde/Amarela pelo placar de 3 a 0 – além de Tite, Gabriel Jesus também fez sua estreia diante do Equador. O novo dono da camisa 9 teve a estreia que pediu a Deus, marcando dois gols e ainda sofreu o pênalti convertido por Neymar.

Gabriel Jesus é o dono da camisa 9Gabriel Jesus é o dono da camisa 9

 

O jogo da noite começa às 21:45 em Porto Alegre, na Arena do Grêmio. 

Você sabia?

O maior placar entre as duas seleções foi pela Copa América de 1949, quado a Seleção Brasileira inapelavelmente goleou a Seleção Equatoriana pelo placar de 9 a 1. No histórico do confronto, as duas seleções se enfrentaram 31 vezes, com 25 vitórias do Brasil, quatro empates e apenas duas derrotas.

Comentários