Para o jogo inicial pelas Olimpíadas de Tóquio, diante da Alemanha, nesta quinta-feira - 22 de julho, às 08h30 (de Brasília), André Jardine deve repetir a mesma escalação dos últimos jogos.

Em seu último trabalho técnico e tático nesta tarde de segunda-feira, em Yokohama, Jardine mandou a campo o Brasil escalado com: Santos; Daniel Alves, Diego Carlos, Nino e Guilherme Arana; Douglas Luiz, Bruno Guimarães e Claudinho; Antony, Richarlison e Matheus Cunha.

Sem contar com Brenno e Malcom, que se juntam a delegação ainda nesta terça-feira (20), o elenco brasileiro deverá estar completo a partir de então, donde ainda realizará mais dois treinos antes de sua estreia na busca pelo segundo ouro olímpico.

Arana comenta sobre a estreia do Brasil nas Olimpíadas.

"É uma camisa pesada também, uma seleção que tem muitos títulos e a gente tem que respeitar. Olhamos algumas coisas do adversário e temos que trabalhar em cima disso. Vamos manter nosso foco, trabalhar forte e fazer um grande jogo. Seleção de tradição, de camisa pesada, então temos que entrar forte para sair com a vitórias", destacou o jogador do Atlético-MG.

Neste mesmo treino de segunda, os jogadores presentes neste mesmo antes do coletivo realizaram treino de bolas paradas ofensivas e defensivas, finalizando o mesmo com cobranças de pênaltis.

Estreia do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio 2021

A seleção masculina de futebol iniciará sua caminhada em busca do ouro olímpico nesta quinta-feira - 22 de julho, a partir das 08h30 (de Brasília), onde encara pelo Grupo B a Seleção da Alemanha.