Após perder oficialmente o lateral Adriano, que foi oficialmente anunciado pelo Athletico, o São Paulo intensifica a sua busca por um lateral para fechar o elenco para o restante da temporada. Na última segunda-feira, o comandante tricolor barrou Hudson da vitória por 4 a 0 sobre a Chapecoense pelo fato de o volante não estar disposto a ser efetivado na função em que vem sendo improvisado e acionou Igor Vinícius. Entretanto, como possui somente uma opção de origem para o setor, o treinador continua monitorando o mercado junto com o diretor de futebol, Raí, e o gerente de futebol, Alexandre Pássaro.

"Hoje não é dia de falar isso, mas a pergunta é boa. Estamos em busca de um jogador dessa posição para fechar nosso elenco", disse Cuca.

 Aposta da diretoria, Igor Vinícius tem contrato de empréstimo com o São Paulo até o final do ano e pode até seguir no Morumbi, porém, apresenta algumas deficiências defensivas. Além disso, ele é o único atleta de origem para o setor, que é uma das velhas carências do Tricolor.

Até então, Hudson vinha sendo improvisado na lateral-direita do time paulista. As boas atuações do jogador fizeram com que a torcida ganhasse confiança e por um curto tempo, esquecesse de pedir um jogador que seja oficialmente da posição. Contudo, nesta última semana, o camisa 25 teve uma conversa com Cuca na qual deixou claro que gostaria de voltar a ser utilizado como volante. Neste momento, Luan e Tchê Tchê são titulares absolutos. Assim, coube a ele se conformar com a reserva.