Em meio à busca por um novo treinador para a temporada 2021, o São Paulo acertou na noite desta última quinta-feira, a venda do atacante Brenner para o futebol norte-americano, onde esse irá defender o FC Cincinnati, na Major League Soccer.

Nesta transferência, o Tricolor Paulista irá receber US$ 13 milhões (R$ 70 milhões), mais US$ 2 milhões de bônus se o jogador atingir a marca de partidas. Além disso, ficou acordado uma porcentagem de 20% da "mais valia" em uma futura venda. Brenner irá assinar contrato por cinco temporadas com o FC Cincinnati, dos Estados Unidos.

Despedida imediata

Sim, o jogador aqui em destaque não deverá mais participar do Campeonato Brasileiro com a camisa do São Paulo, onde o time ocupa a quarta colocação na tabela de classificação.

Brenner é atualmente o vice-artilheiro do time no Brasileirão 2020, com 11 gols marcados. Salientamos que o atacante não participou das atividades do elenco no CT da Barra Funda, nesta última quinta-feira, devendo com isso já ter se despedido do São Paulo, que volta a competição nacional na próxima quarta-feira, diante do Ceará, pela 35ª rodada do campeonato nacional, no Morumbi.

Brenner revelado pelo São Paulo

O atacante hoje negociado com o futebol norte-americano fora revelado pelo próprio Tricolor Paulista, quando estreou pelos profissionais em 2017; sem muito espaço naquele time, acabou sendo emprestado ao Fluminense em 2019, voltando ao São Paulo em 2020, já sob o comando de Fernando Diniz, quando de fato estourou e virou titular absoluto e artilheiro da equipe. Ao lado de Luciano, Brenner dos 53 gols marcados pelo Tricolor Paulista no Campeonato Brasileiro 2020, foi responsável por 25 deles. Em 2021 o atacante não marcou nenhum gol até aqui; seu último foi no dia 26 de dezembro do ano passado, diante do Fluminense, na vitória por 2 a 1.