Vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro e principal jogador do Santos na temporada 2020, o atacante Marinho pode ser desfalque por longo tempo no Campeonato Brasileiro. O atacante, que já soma 21 gols no ano, pode pegar de 1 a 6 jogos de suspensão na competição, de acordo com julgamento no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), que acontece na próxima segunda-feira (14).

O julgamento levará em conta o artigo 243-F do Código Brasileiro de Conduta Despotiva (CBJD), que diz o seguinte: "Ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto". Marinho foi enquadrado neste artigo após se revoltar contra a arbitragem na eliminação do Santos para o Ceará, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. A partida aconteceu no dia 4 de novembro.

A situação foi levada a julgamento principalmente por ter sido colocada na súmula da partida. O árbitro na ocasião, Leandro Vuaden, relatou as reclamações do camisa 11 do Peixe após o fim da partida. Marinho teve de ser contido por vários membros da comissão técnica do clube para não chegar perto da arbitragem, e foi expulso depois da situação.

Confira o que diz na súmula da partida:

-Expulsei com o cartão vermelho direto o atleta de número 11, da equipe Santos F.C, senhor Mario Sergio Santos Costa, por após o término do jogo vir em minha direção proferindo as seguintes palavaras: "Você é muito fraco, vai tomar no c.., aqui é Santos". Informo que o mesmo teve de ser contido por integrantes da comissão técnica, pois tentava se aproximar da arbitragem - relatou o árbitro.

Mesmo com julgamento, Marinho pode enfrentar o Flamengo

Como o julgamento é apenas na próxima segunda-feira, Marinho está liberado para o duelo com o Flamengo, neste domingo, no estádio do Maracanã. Os próximos jogos do Santos pelo Campeonato Brasileiro são:

Regra pode colocar punição em competições diferentes

Mesmo com a situação toda ocorrendo na Copa do Brasil, Marinho deve cumprir suspensão no Campeonato Brasileiro. Isso porque, o regulamento da CBF prevê que, se o clube for eliminado da Copa do Brasil, o jogador deve cumprir suspensão na competição subsequente, no caso, no Campeonato Brasileiro.

Caso seja punido, Marinho pode cumprir de 1 a 6 jogos de suspensão no Brasileirão. O julgamento acontecerá no Rio de Janeiro.

Sandry também irá a julgamento

Outro jogador que também será julgado é o volante Sandry. Na mesma partida diante do Ceará, o jogador foi expulso, e agora, enquadrado no artigo 254 (praticar jogada violenta), e também pode levar de um a seis jogos de suspensão.