Exames preliminares descartam fratura na perna de Bruno Henrique

Depois de se chocar fortemente com o goleiro do Independiente Del Valle, o atacante foi levado diretamente para o hospital mais próximo, onde os exames descartaram uma lesão mais grave.

Por Müller
Compartilhe

Em jogo de ida da decisão da Recopa Sul-Americana, onde o Flamengo empatou em 2 a 2 com o Independiente Del Valle, nesta última quarta-feira, o clube carioca não só preocupou seus torcedores com o empate, como também com a lesão de um dos "protagonistas" da equipe comandada por Jorge Jesus - aqui falamos do atacante Bruno Henrique, que após o primeiro gol do Flamengo, se chocou fortemente com o goleiro adversário e, imediatamente, pediu substituição.

Bruno Henrique foi direto para o hospital, onde realizou exames preliminares, onde foi diagnosticado que não teve fratura na perna direita - como temiam torcida e departamento médico. O jogador utilizou seu perfil na rede social do Twitter para agradecer o carinho dos torcedores rubro-negros e avisá-los de que está tudo bem.

Bruno Henrique diz ter sentido muita dor na hora do lance.
Bruno Henrique diz ter sentido muita dor na hora do lance.

"Muito obrigado a Deus pela proteção. Estou bem e tudo não passou de um grande susto. Agradeço também as orações e boas energias de todos vocês! Já estaremos juntos novamente", publicou o atacante.

Na volta para o Brasil, o atacante será reavaliado nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro. A presença do jogador no segundo e decisivo confronto da Recopa, com o Independiente Del Valle, na próxima quarta-feira, às 21h30 (horário de Brasília), no Maracanã, ainda é incerta. O Flamengo volta a campo no sábado, quando encara o Boavista, pela final da Taça Guanabara. O duelo terá início às 18h (horário de Brasília), no Maracanã.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários