Mudanças no futebol inglês? Sim, pelo menos é isso que pretendem Manchester United e Liverpool, segundo informações do "The Telegraph". Um dos dois maiores clubes de futebol da "terra da rainha" possuem um plano para mudar o sistema do futebol na Inglaterra.

Uma dessas ideias é passar a contar apenas com 18 clubes na Série A, ao invés dos 20 atuais. Além disso, eles querem abolir a Copa da Liga Inglesa e a Community Shield - o que seria a mesma coisa que a Supercopa da Inglaterra.

O incrível é que os dois gigantes contam com um "baita" apoio para essas mudanças no futebol do país - onde esses contam com o apoio de Rick Parry - presidente da Liga de Futebol da Inglaterra, no entanto, Manchester United e Liverpool esperam ainda poder contar com o apoio de outro gigantes do futebol local, bem como o Arsenal, Chelsea, Manchester City, Tottenham, Everton, West Ham e Southampton.

Críticas da Premier League e do governo

Por outro lado, a Premier League criticou a iniciativa aqui tomada por Liverpool e United - com apoia de Parry, onde essa destaca que não pretende mudar o sistema atual do futebol inglês.

Outro que não gostou nadinha da ideia foi o próprio governo inglês, que disse que as propostas sugeridas pelas partes acima citadas irão somente "elitizar" o futebol nacional e que essa discussão em tempos de crise, é decepcionante.

Com um número alto de jogos por conta do calendário aperta no futebol inglês, faz com que o sistema atual seja alvo de várias discussões ao longo dos últimos anos, mas essa mudança que Liverpool e United desejam, não tem nenhum prazo para que possa vir a acontecer. Essa discussão promete vários capítulos pela frente e nós estaremos de olho!