Como todos os amantes do futebol já estão ouvindo em meio ao surto do coronavírus, vários clubes do futebol europeu se movimentam para não terem muito prejuízo. Um deles é o Paris Saint-Germain, que deseja reduzir os salários de Neymar e Mbappé, uma vez que são os mais altos do elenco e como não entram em campo para treinar ou jogar, estariam dando prejuízo ao clube. A informação que trazemos até você foi primeiramente publicado pelo jornal francês "L´Équipe".

Vale lembrar que o PSG tem uma das maiores folhas salariais do mundo. Contando apenas o departamento de futebol, o clube francês gasta algo em torno de 371 milhões de euros - próximo ou mais de R$ 2 bilhões por temporada apenas com salários. Uma matéria publicada também pelo diário francês acima citado traz que Neymar recebe por ano 49 milhões de euros.

Também é interessante ressaltar que Neymar ainda não renovou contrato com o PSG, uma vez que deseja deixar o clube, podendo fazê-lo na próxima abertura da Janela de Transferências.

Mbappé e Neymar - principais estrelas do Paris Saint-Germain.
Mbappé e Neymar - principais estrelas do Paris Saint-Germain.