De acordo com o canal italiana "SportMediaset" e posteriormente publicado no jornal espanhol "As", o Paris Saint-Germain está disposto a cometer mais uma de suas loucuras no mercado de transferências no próximo mês de julho - após a Copa do Mundo da Rússia.

Ambos os meios de comunicação informam que o PSG - clube de Neymar e Mbappé, está se preparando para investir pesado na janela de transferências e esse reforço seria nada mais, nada menos que Cristiano Ronaldo - do Real Madrid. Segundo o canal italiano, o clube francês está disposto a desembolsar 45 milhões de euros mensais para poder contar com o craque português em seu elenco para a nova temporada.

Além do pomposo salário, o dono do PSG poderá oferecer ao clube espanhol a quantia de 300 milhões de euros, o que transformaria Cristiano Ronaldo no jogador mais valioso do mundo em toda a história do futebol. Porém, a multa rescisória do craque merengue gira em torno de 1 bilhão de euros e o mesmo ainda possui contrato para cumprir até o fim da temporada 2021, o que provavelmente dificultará na hora de negociar sua saída.

Para completar, a emissora afirma que o Manchester United é outra equipe que tem CR7 em sua mira de contratação, mas o treinador dos "Reds Devils" - o português José Mourinho acredita que dificilmente o clube inglês irá conseguir trazer Cristiano Ronaldo de volta ao clube pelo qual ele já passou um dia, uma vez que não terá condições de concorrer com o poderoso PSG em caso "real" de uma proposta ao atacante. Em virtude desta dificuldade, o United poderá fazer uma proposta mais em conta em relação ao galês Gareth Bale - que serviria como uma espécie de "plano B".