Treta entre Barcelona e Paris Saint-Germain por conta de Neymar. Assim como noticiamos no início desta manhã a respeito de uma possível proposta do clube catalão pelo brasileiro, o time francês sai na "frente" e exige que os espanhóis parem de assediar seu camisa 10, segundo a rádio "Catalunya".

Neymar que tem contrato com o PSG até junho do ano que vem e está em conversas para uma possível renovação, também é alvo do Barcelona, que vê a volta do brasileiro ao Camp Nou como fundamental para o time voltar a crescer no cenário futebolístico e na manutenção de Messi no clube, uma vez que o argentino gostaria de voltar a atuar ao seu lado.

Logo após a derrota francesa na Champions League, durante essa semana, Leonardo - diretor da equipe de París discutiu o futuro do brasileiro em entrevista, onde esse declarou o seguinte:

"Queremos manter nossas estrelas e continuar com esse grupo. Pochettino chegou há alguns meses, o projeto acaba de começar".

No entanto, as coisas não parecem ser tão fáceis como são, uma vez que Neymar já alertou que deseja atuar novamente ao lado de Lionel Messi, dando claro indício de que ou o PSG traz o argentino para junto dele ou ele vai para o Barcelona, onde poderá então jogar com o seu amigo e ex-companheiro.

PSG é contraditório no que pede

Ao contrário do que pedem ao Barcelona, o PSG faz igual com relação a Lionel Messi, que está em fim de contrato com os espanhóis; sim, o clube francês também estaria de certa forma assediando o argentino para esse não assinar sua renovação de contrato com os catalães e assim assinar com os franceses.