Após ter novamente surgido à informação de que Neymar pudesse realmente estar deixando o Paris Saint-Germain rumo a Madrid, horas antes do confronto entre as duas equipes ao qual terminou com a vitória merengue pelo placar de 3 a 1 pelas oitavas de final da Champions League, nesta última quarta-feira, o presidente do clube francês, Nasser Al-Khelaifi, mais uma vez desmentiu tal informação, declarando que Neymar permanece no PSG.

"Posso afirmar para vocês com 100% de certeza que Neymar estará aqui ano que vem", garantiu Al-Khelaifi ao "beIN Sports".

Sem fugir das perguntas, o dono do Paris Saint-Germain comentou sobre o resultado final da partida entre Real Madrid e PSG - partida válida pelas oitavas de final da Champions League.

"Na minha visão o resultado não foi justo. Acredito que jogamos melhor na segunda etapa, tivemos um maior número de oportunidades para marcar, mas cometemos erros. E os erros do árbitro nos custaram o jogo. O árbitro ajudou o Real Madrid", destacou ele.

O jogo da volta será em Paris, no Parque dos Príncipes, no próximo dia 06 de março - com o placar em 3 a 1 favorável ao Real Madrid, o Paris Saint-Germain precisará de um milagre para avançar a próxima fase, onde o time de Neymar e Cia terão que vencer o jogo por 2 a 0 pra avançar a próxima fase - graças ao gol marcado fora de casa, se o Real Madrid marcar um gol, o PSG será obrigado a vencer a partida por uma diferença de três gols, um novo 3 a 1 para o time francês levará a partida para prorrogação, se permanecer o mesmo placar, a decisão será nos pênaltis.