Depois de Luan e Gabriel Menino, o Palmeiras anuncia nesta sexta-feira que mais três atletas de seu elenco principal estão diagnosticados com o novo Coronavírus. Na última rodada de exames realizados na quinta-feira passada, o volante Danilo e os atacantes Gabriel Silva e Rony também foram detectados com a COVID-19, desfalcando assim o "Verdão" por pelo menos 10 dias.

De acordo com o clube, Gabriel Silva, Rony e Danilo estão assintomáticos e permanecerão em quarentena por pelo menos 10 dias. O departamento médico continuará com o protocolo de segurança para tentar reduzir o risco de contágio entre os demais companheiros. O "Verdão" treina ainda na tarde desta sexta-feira visando a sua preparação para encara o Fluminense, neste final de semana, pelo Brasileirão 2020.

Luan e Gabriel Menino

Na última segunda-feira, o próprio clube já havia informado que o zagueiro Luan estava com a COVID-19, sendo assim excluído da lista de jogadores que enfrentaram o Ceará, pela Copa do Brasil; entrando em regime de quarentena. Já nesta quinta-feira, Gabriel Menino foi apontando com o vírus pela Seleção Brasileira, em Teresópolis, sendo prontamente desconvocado, deixando a concentração rumo à capital paulista para permanecer em quarentena.

Seleção

Para evitar novos contaminados, a CBF montou uma logística em que levou o atleta de volta a São Paulo em uma viagem de carro de quase 500 quilômetros. Acompanharam o atleta, um motorista e um segurança que já tiveram o contágio com o novo Coronavírus.

Palmeiras

Voltando ao "Verdão", com os novos três desfalques, o time comandado por Abel Ferreira conta com 10 jogadores de fora do próximo compromisso do time - além dos cinco contaminados com o Coronavírus, ainda estão nesta lista os jogadores cedidos às seleções, bem como: Weverton, Gómez e Vina; além dos lesionados: Wesley e Felipe Melo.