Já há duas semanas sem um treinador (titular) no clube, o Palmeiras se irrita com possíveis especulações e passa a se blindar na busca por um substituto a Vanderlei Luxemburgo. Com um perfil já traçado pela direção, essa tinha até então como objetivo trazer alguém para implementar uma filosofia de jogo ofensivo e com o "DNA" do clube, porém, até agora vários nomes foram buscados, com algumas negociações encaminhadas, mas nenhuma acabou sendo concretizada até esse momento.

E por esse motivo, do vazamento de possíveis nomes e especulações, é que a direção do "Verdão" irritada com todos esses "boatos" sobre o possível substituto de Luxemburgo no comando técnico do Palmeiras passa a ter mais cuidado com essa parte e a trabalhar ainda mais calada.

Estrangeiro ou Brasileiro

A prioridade alviverde segue para trazer um profissional de fora do país, mas não está descartada a possibilidade deste ser brasileiros ou até mesmo da direção efetivar o seu interino até o final da temporada.

Quique Setien

Depois de vários "nãos", o Palmeiras ainda segue com alguns nomes em sua mira - nomes de profissionais estrangeiros e entre esses está Quique Setién, ex-comandante técnico do Barcelona e que segundo informações vindas do Allianz Parque, ainda não fora procurado, uma vez que esse ainda tenta um acerto com o clube da Cataluña quanto a sua rescisão de contrato.

Outros nomes

Além do espanhol, há nomes como o de Guillermo Barros Schelotto - do Los Angeles Galaxy e Matías Almeyda - do San José Earthquakes, que também surgem como possíveis comandantes técnicos do Palmeiras. Dentre esses, Schelotto segundo o "Blog do PVC", estaria próximo de um acerto, visto que ele teria gostado do convite e comparado o "Verdão" ao Boca Juniors.

Aguardemos pelas próximas cenas desta novela que já se arrasta por duas semanas e deve em breve trazer o capítulo final.