Todo bom clube de futebol tem que contar com um bom elenco, começando com um bom goleiro, passando por uma boa defesa, um meio de campo equilibrado e chegamos ao um dos setores mais importantes do futebol - o ataque. É neste quesito que traremos nossa matéria de hoje para contarmos um pouco mais da história do Palmeiras, um dos clubes mais vencedores na história do futebol brasileiro; o clube com maior número de títulos nacionais entre todos.

A história do clube se apega ao resultado do desempenho de seus atletas, que infelizmente, não tem o reconhecimento merecido pelas atuais gerações. Assim sendo, para refrescar a memória dos velhos torcedores do Palmeiras e também dos mais novos, iremos trazer para vocês os cinco maiores artilheiros da história do "Verdão" e ainda citar alguns outros que deixaram saudades; confira!

Sem seguirmos uma ordem classificatória ou de ranking, iremos ao menos tentar seguir uma ordem histórica de seu tempo; vamos a eles:

Heitor - 317 gols

Sem dúvidas o maior de todos dentro do clube. Heitor não foi apenas o "homem-gol", mas também defendeu as cores do "Verdão" dentro das quadras de basquete, vôlei, atletismo e tênis de mesa. Entre os anos de 1916 a 1931, o atacante aqui em questão marcou 317 gols com a camisa do Palmeiras, ajudando assim o clube a conquistar quatro títulos estaduais.

Heitor - imagem: Gazeta Esportiva
Heitor - imagem: Gazeta Esportiva

Eduardo Lima - 149 gols

O atacante que marcou 149 gols pelo Palmeiras, defendeu o clube entre 1940 a 1952, levando "Palestra" ou a "Academia", como preferir, as conquistas de cinco títulos estaduais (1940, 1942, 1944, 1947 e 1950) e do "Mundial" de 1951.

Servílio - 140 gols

Servílio escreveu seu nome na história do Palmeiras e na galeria de artilharia do clube, entre os anos de 1963 a 1969, onde ajudou o mesmo a conquistar três títulos do Campeonato Brasileiro e dois títulos do Campeonato Paulista, vindo a marcar 140 gols com a camisa do "Verdão" em sua trajetória pelo clube.

Servílio - imagem: nossopalestra
Servílio - imagem: nossopalestra

César Maluco - 182 gols

Já na "era" profissional do futebol, César Maluco foi o maior artilheiro da história do clube. Vestindo a camisa do "Verdão" entre os anos de 1967 a 1974, ele entrou para a história do Palmeiras ao marcar 182 gols. Se tornando assim no segundo maior artilheiro da história do clube, sendo ele até os dias de hoje reconhecido com o maior número de gols marcados com a camisa "verde e branca" em Campeonatos Brasileiros - 61 gols.

César Maluco
César Maluco - imagem: acervo/Gazeta Press

Ademir da Guia - 154 gols

Um dos maiores ídolos do Palmeiras sem dúvida alguma - se não o maior! O maior nome do "Palestra Itália" como o "Verdão" era chamado antigamente; o Divino jogou pelo clube paulista aqui em questão entre 1962 a 1977, marcando 154 gols e conquistando cinco títulos brasileiros e cinco títulos do Campeonato Paulista.

Ademir da Guia - imagem: site do Palmeiras
Ademir da Guia - imagem: site do Palmeiras

Nomes inesquecíveis do Palmeiras

Esses nomes acima citados ficarão gravados na história do clube, onde ainda não podemos esquecer outros grandes atacantes do Palmeiras que ajudaram o clube marcando muitos gols, bem como Rodrigues Tatu (128 gols - 1950 a 1957), Evair (126 gols - 1991 a 1994; 1999), Humberto Tozzi (126 gols - 1953 a 1961), Luizinho (123 gols - 1936 a 1941) e Tupãzinho (121 gols - 1963 a 1968).