Presidente do Barcelona se irritou com contraproposta do PSG por Neymar, diz jornal

De acordo com o jornal "Mundo Deportivo", as conversas entre os dois clubes não terminaram muito bem, e a postura do clube francês irritou o presidente do Barcelona.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

A postura rígida do PSG ao negociar com o Barcelona a transferência de Neymar não se modificou e acabou fazendo com que o brasileiro seguisse na França pelo menos até o ano que vem. E, de acordo com o jornal "Mundo Deportivo", as conversas entre os dois clubes não terminaram muito bem. O diário afirma nesta terça-feira que o presidente do Barça, Josep Maria Bartomeu, se irritou com a última contraproposta dos franceses.

O jornal catalão afirma que o mandatário do Barcelona não escondeu sua ira ao tomar conhecimento dos desejos do PSG para liberar Neymar, durante reunião realizada em Mônaco, na última sexta-feira. Na ocasião, os franceses teriam pedido € 150 milhões (R$ 685,4 milhões), mais as transferências de Rakitic e do jovem Todibo, além do empréstimo de Dembélé. Bartomeu teria considerado uma afronta, se levantado da mesa e encerrado as conversas de forma pouco polida.

.

A publicação ainda critica o mandatário, afirmando que esta deveria ter sido sua postura há alguns meses, uma vez que o PSG jamais teria tido a real intenção de vender Neymar de volta ao Barça. O "Mundo Deportivo" afirma que a possível transferência "era uma utopia".

Mais sobre: neymar psg barcelona
Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal