Neymar pode declarar rebeldia caso o PSG o impeça de se transferir para o Barcelona, diz jornal

As últimas informações do jornal espanhol “Mundo Deportivo” desta quarta-feira destacam que Neymar poderá até mesmo “declarar rebeldia” e exigir sua saída de Paris caso o clube não aceite sua saída para o Barcelona.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Mais um dia, mais um capítulo da novela "Neymar/Barcelona"! De acordo com as últimas informações do jornal espanhol "Mundo Deportivo" desta quarta-feira, em caso do Paris Saint-Germain impedir a saída do seu camisa 10 para o clube catalão, Neymar poderá até mesmo "declarar rebeldia" e exigir sua saída de Paris.

Segundo o diário, o craque brasileiro já solicitou a direção do clube francês que ceda nas negociações para que ele possa voltar à Espanha e em especial ao Barcelona - clube pelo qual atuou até 2017 e mais, se até o dia 8 de julho o Paris Saint-Germain não tenha resolvido a situação com o clube catalão, o jogador em questão deverá tornar público o seu desejo de ir embora e com isso forçar a sua saída da capital francesa.

Neymar - atacante do PSG.Neymar - atacante brasileiro que está em litígio com o PSG.

Mesmo com essa "ameaça" por parte dos empresários e pelo próprio atacante, o Paris Saint-Germain segue irredutível em sua pedida, ou seja, Nasser Al-Khelaifi (dono do PSG) não deseja receber menos do que 300 milhões de euros por seu camisa 10 e o Barcelona já informou que pode pagar 100 milhões de euros e ainda incluir um de seus jogadores - no caso o meia-atacante Philippe Coutinho, que já admitiu que não veria problema algum em se transferir para Paris.

Caso o clube da capital francesa ainda venha a fazer "jogos duro", o Barcelona nesta quarta-feira sinalizou de forma positiva a possibilidade de concordar em ceder o atacante Dembelé ao Bayern de Munique - no caso, vender o atacante francês ao clube alemão para assim encher um pouco mais os cofres e ter o que oferecer a mais para o Paris Saint-Germain por Neymar.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal