Espanha emperra estreia de Neymar pelo PSG

Para Graët, o problema está na Federação Espanhola, mas ele não acredita em retaliação.

Por
Compartilhe

A Federação Espanhola estaria dificultando a liberação dos papéis de transferência de Neymar. O presidente da Federação Francesa de Futebol - FFF, Noël Le Graët, garante que a documentação para regularizar o atacante na França está pronta.

Graët afirmou ao jornal "L’Équipe" que a documentação está pronta junto a Federação Francesa, faltando apenas a liberação na Espanha, o que segundo ele não deve demorar.

Leia também:

Para Noël Le Graët, documentação na França está prontaPara Noël Le Graët, documentação na França está pronta

“Tudo está pronto, não deve demorar. A Federação Francesa está em contato com a Federação Espanhola, não existe nenhuma razão para tanta demora. Mas repito, não há documentos faltando e sim alguns problemas com a Federação Espanhola. Não tenho a menor dúvida que quando os documentos chegarem, tudo será resolvido rapidamente”. Declarou o presidente da FFF jornal.

Perguntado se ele acreditava em uma retaliação por parte dos espanhóis, Graët foi curto: “Eu não acredito, não acho; vocês sabem que os lobos não comem uns aos outros”.

O presidente da Federação Francesa também comentou sobre os altos investimentos feitos pelo dono do PSG, algo que poderá desequilibrar o Campeonato Francês para alguns.

Leia também:

“Existe um clube, o PSG, que possui enormes possibilidades, que trabalha muito bem. Essa transferência não está ligada diretamente ao Campeonato Francês, mas sim com a Liga dos Campeões; todos nós sabemos disso - O Paris Saint-Germain está totalmente focado nesta competição. Como aqui, em todos os campeonatos, na Espanha com dois grandes, na Alemanha com o Bayern, existem as locomotivas. Em nosso campeonato também existe esse caso, mas cada clube com sua identidade. Lyon e Nice, temos visto nas últimas semanas, estão trabalhando muito bem. Como também o Olympique de Marselha. Nosso campeonato é charmoso e competitivo, vai atrair muitos espectadores”.

Além de tudo isso, o presidente da FFF também falou que a UEFA seguirá fiscalizando o PSG como já fez anos atrás e que a Liga de Futebol Profissional da França possui uma direção de controle de gestão que é responsável por fiscalizar as contas dos clubes no país.

Comentários