Sem se manifestar por conta de sua Megafesta, que está chamado a atenção no Brasil e mundo a fora, a RedBull - patrocinador do jogador do Paris Saint-Germain parece querer distância da polêmica que esse evento vem causando.

Questionada por alguns sites, como o "Terra", por exemplo, a marca em questão afirmou o seguinte:

"A RedBull não promove eventos que possam violar os protocolos determinados pelas autoridades competentes".

A patrocinadora de Neymar quis dizer que não compactua com a Megafesta (25 de dezembro a 1º de janeiro) que o jogador do PSG está dando em sua mansão - em Mangaratiba, região litorânea do Rio de Janeiro, onde segundo informações, cerca de 500 pessoas foram convidadas.

RedBull bancou parte de despesas de festas de Neymar e seus convidados em Maraú - Bahia.

Vale ressaltar que nos últimos anos a patrocinadora oficial do camisa 10 da seleção brasileira bancou parte das estadias de Neymar e convidados em Maraú - Bahia, onde o patrocínio em questão garante ao jogador a presença da marca em suas festas de aniversário, além de serviços de DJ e motoristas em outras datas ao longo do ano.

Críticas nas redes sociais a Neymar

O jogador brasileiro vem nos últimos dias recebendo inúmeras críticas por organizar uma Megafesta em sua mansão na praia do litoral sul do Rio de Janeiro, justamente em um momento que o número de pessoas contaminadas pelo Coronavírus vem aumentando gradativamente e já conta com 190 mil mortes em nosso país. A críticas vem de todos os lados do mundo, de companheiros de futebol, jornalistas, torcedores, vizinhos e fãs.

Apesar disso tudo, até o momento nem o jogador, muito menos sua assessoria

IMAGEM: Divulgação de internet/Neymar.