Como todos bons torcedores já sabem - principalmente os torcedores flamenguistas, o elenco Rubro-Negro seguirá nesta sexta-feira para Doha, onde disputará o Mundial de Clubes. Assim que os jogadores deixarem a área de embarque, entrarão em um dos aviões mais modernos do mundo.

O modelo Boeing 777-300ER, do Qatar Airways - parceira do clube no torneio organizado pela FIFA, que conta com cabine pressurizada de forma especial e até com possibilidade de transformar sua poltrona em uma cama de casal. Segundo a companhia aérea, o avião conta com um cuidado todo especial durante o voo. A informação é que a pressurização da aeronave é equivalente a uma altitude mais baixa, fazendo com que os passageiros respirem mais oxigênio do que em qualquer outro avisão. Isso significa menos dores de cabeça, menos tontura e menos cansaço.

Os jogadores rubro-negro contarão com o máximo de conforto na viagem a Doha, onde disputarão o Mundial de Clubes - FIFA.
Os jogadores rubro-negro contarão com o máximo de conforto na viagem a Doha, onde disputarão o Mundial de Clubes - FIFA.

Se não bastasse tudo isso, as poltronas da classe executiva suíte - as que serão utilizadas pela delegação do Flamengo, permitem que os assentos virem camas. Já as poltronas do meio da aeronave têm a possibilidade de virarem até cama de casal para oferecer ainda mais conforto. Apesar das 15 horas de voo, os jogadores do clube brasileiro deverão chegar em Doha descansados e prontos para seguir o planejamento para conquistar o bicampeonato Mundial.

O Flamengo entra em campo pela semifinal no dia 17, quando pegará o vencedor de Al-Hilal, da Arábia Saudita, e o Esperánce, da Tunísia.