Mesmo com alguns apostando na permanência de Messi no Barcelona, o craque argentino em nota publicada e assinada por seu agente nesta sexta-feira, insiste em deixar o clube catalão de graça já nesta janela de transferências.

Na nota que aqui estamos nos referindo, o jogador ou seu empresário contesta a cláusula que prevê a multa de 700 milhões de euros em caso de saída.

"Sem prejuízo de outros direitos que estão incluídos no contrato e que omitem, é óbvio que a indenização de 700 milhões de euros prevista na cláusula 8.2.3.5 anterior, não se aplica em absoluto. Ela não se aplicará quando a resolução do contrato por decisão unilateral do jogador tenha efeitos a partir da finalização da temporada 2019/2020".

Lembramos que essa nota foi enviada ao presidente de "LaLiga" - Javier Tebas, que no último final de semana emitiu um comunicado indicando que o vínculo do argentino ainda estava vigente até o final da temporada 2020/2021 e que o atleta só poderia deixar o Barcelona mediante o pagamento da multa rescisória na casa dos 700 milhões de euros.

Indo no mesmo caminho do presidente de "LaLiga", o Barcelona já reiterou que não irá liberar o atacante de forma antecipada e que seu presidente só se sentará com Messi se o assunto for com relação a sua renovação de contrato.

Entenda o caso

O atacante argentino de 33 anos anunciou na última semana a decisão de deixar o Barcelona, enviando ao clube um "burofax" - um documento certificado semelhante a um telegrama. Ele invocou uma cláusula contratual que lhe permite sair de graça até 10 dias depois do final da temporada, mas o clube afirma que esse artigo do contrato já expirou, se baseando no final da temporada pelo calendário oficial - 31 de maio.

Com isso, sem as partes se entenderem até esse momento, espera-se por uma guerra judicial nos próximos dias, semanas ou meses, onde Messi argumentará que a temporada não finalizou no dia 31 de maio, uma vez que esta foi estendida além da data em que a cláusula expirou por conta da pandemia do novo Coronavírus, terminando no dia 23 de agosto - data final da Champions League. Aguardemos pelas cenas dos próximos capítulos!