Com certeza a última quinta-feira não foi um dos melhores dias para Lionel Messi na Espanha. O craque argentino viu sua equipe sair de campo derrotada para o Osasuna e ainda para piorar a situação, o Real Madrid venceu o Villarreal e sagrou-se campeão espanhol na temporada - muito disso, graças aos tropeços do próprio "Barça" nesta volta aos gramados após a paralisação por conta do Coronavírus.

Ao deixar o campo, logo depois do apito final na derrota para o Osasuna, o atacante argentino não se aguentou e em entrevista a "Movistar+" desabafou, culpando o próprio Barcelona pela perca do título nacional.

"Temos que ser autocrítico. Começando pelos jogadores, mas fazer uma autocrítica global. Somos o Barça e temos que ganhar tudo. Não podemos mirar no Madrid. O Madrid faz o trabalho deles, mas nós os ajudamos muito", desabafou Messi, mostrado seu descontentamento com a atual situação do clube catalão.

Mas não fora só isso que ele disse, sem comentar o belíssimo gol marcado na partida, o craque e ídolo do Barcelona soltou um xingamento e uma expressão de quem não está feliz com a situação do clube.

"Não queríamos estar terminando a temporada desta forma. Mas representa como ela foi. Fomos muito irregulares, muito fracos, um time com pouca intensidade. Perdemos muitos pontos e o jogo de hoje mostra o que foi nossa temporada. Se queremos ganhar a Champions League, temos que mudar e muito. Se continuarmos assim vamos perder o jogo contra a Napoli...", disse o camisa 10 do Barcelona, que ainda concluiu dizendo o seguinte:

As sensações são que o time tenta, mas não tem forças, capacidade. Deixamos muito a desejar em vários jogos. Tudo que a gente viveu desde janeiro tem sido muito ruim. Temos que mudar muitas coisas, na realidade. Os torcedores estão ficando sem paciência porque nós não estamos entregando nada. Isso é normal".

Vamos lembrar que mesmo restando uma rodada para o término do Campeonato Espanhol, o time do Barcelona não estará de férias, visto que ainda contam com a Champions League, onde estão nas oitavas de final e terão que jogar o segundo jogo diante da Napoli, no Camp Nou. O duelo está marcado para o dia 08 de agosto, às 16h (no horário brasileiro). O primeiro confronto entre espanhóis e italianos ficou no 1 a 1 e se o Barça não conseguir passar para as quartas de final - como teme Messi, será a primeira vez que o clube catalão terminará uma temporada sem títulos desde 2007.