Messi diz em entrevista que não gostaria de ver Neymar no Real Madrid

“Não consigo imaginar isso acontecendo, eu não gostaria nem um pouco disso”, declarou Messi a respeito de uma provável ida de Neymar para o time merengue.

Por
Compartilhe

Messi declarou essa semana que gostaria de ter Neymar de volta ao Barcelona e que não consegue ver o craque brasileiro no Real Madrid. Em entrevista ao jornal espanhol “Mundo Deportivo”, Lionel Messi – craque do Barcelona e da Seleção Argentina, elogiou o camisa 10 do Brasil e do Paris Saint-Germain.

Neymar em visita aos seus ex-companheiros de Barcelona.Neymar em visita aos seus ex-companheiros de Barcelona.

“Ficaria encantado em ver Neymar ao nosso lado, gostaria muito que ele voltasse. Neymar é um jogador fora de série, excepcional, seria muito bom ter ele de volta ao convivo do Barça, mas acredito que isso não vá acontecer, é muito complicado. Ter Neymar conosco outra vez seria fantástico, insisto que me encantaria”, declarou o craque argentino.

Na mesma entrevista, o repórter perguntou se Neymar aceitar uma proposta do Real Madrid, qual seria a sua reação (Messi)? “Não consigo imaginar isso acontecendo, eu não gostaria nem um pouco disso”, resumiu o camisa 10 do Barcelona.

Messi também foi questionado quanto a uma provável saída de Cristiano Ronaldo e sobre suas palavras após a final da Champions League; eis que o craque argentino respondeu dizendo que “se isso acontecer, é por algum motivo muito forte” e que “algo levou o Cristiano Ronaldo a falar o que falou”.

“Não posso saber o que passa na cabeça dele, mas acredito que ele tenha algum motivo para ter dito o que disse. Porém, são decisões pessoais e não posso opinar sobre seu futuro”, declarou Messi.

Perguntado ainda sobre a Copa do Mundo, o argentino que é ídolo em seu país, comentou que não vê a Argentina como favorita para conquistar o Mundial, mas promete muito empenho na Copa do Mundo.

“Sempre falei isso e vou repetir mais uma vez: iremos para o Mundial com um sonho, com muita vontade. Não somos favoritos, mas trabalhamos duro e nos preparamos bem. Individualmente, temos bons jogadores para disputar de igual para igual com qualquer seleção. por isso vamos nos doar ao máximo”, encerrou ele.

Mais sobre: messi neymar argentina
Comentários