Enquanto trabalha para conseguir acordos para não sofrer processos na FIFA, o Santos continua se movimentando no mercado de transferências. E, entre alguns nomes que agradam a diretoria do Peixe, o principal deles é tido como a prioridade no momento: Trata-se do atacante Ricardo Oliveira.

O jogador, que já tem 40 anos de idade, e atualmente veste a camisa do Atlético-MG, está fora dos planos da equipe comandada pelo técnico Jorge Sampaoli, e interessa aos dirigentes santistas, que contam com a vontade do jogador em retornar ao time paulista.

Entretanto, antes de qualquer situação, o Santos precisa cumprir punição na FIFA, já que está proibido de contratar. Segundo informações dos principais meios de imprensa de São Paulo, este seria o único empecilho para que o atacante seja anunciado de forma oficial pelo Peixe. Enquanto não se pronuncia, o clube precisa resolver duas ações pendentes na FIFA, para que a punição seja retirada:

  • Primeiro, precisa pagar cerca de R$1,6 milhão pelo empréstimo do zagueiro Luan Peres. O clube a ser pago é o Club Brugge, da Bélgica;
  • Segundo, o Hamburgo, da Alemanha, cobra cerca de R$15 milhões pela negociação do zagueiro Cléber Reis.
Ricardo Oliveira está próximo de ser jogador do Santos novamente. (Foto:Divulgação/Atlético-MG)
Ricardo Oliveira está próximo de ser jogador do Santos novamente. (Foto:Divulgação/Atlético-MG)

Vale lembrar que o Santos já está punido pela FIFA por conta da dívida com o Hamburgo, não pagou o Club Brugge dentro do prazo estipulado, e pediu mais tempo para que as dívidas sejam pagas. Sendo assim, antes de avançar nas negociações por Ricardo Oliveira, precisa pagar estes valores, seja com acordo ou liberação de atletas do atual elenco.

Enquanto isso, o centroavante busca a liberação no Atlético-MG. Ricardo Oliveira não está nos planos do técnico Jorge Sampaoli. O Galo deve quatro meses de salários e seis de direitos de imagem ao jogador, que poderia deixar o clube de graça na Justiça.

Mesmo que interesse a outros dois clubes do futebol brasileiro, o desejo de Ricardo Oliveira é retornar ao Santos. O jogador, inclusive, aceitou reduzir a pedida salarial para voltar ao clube, onde é bicampeão paulista pelo Peixe, em 2015 e 2016, além de ter 91 gols.