Um dos jogadores mais queridos pela torcida corintiana pode estar de volta ao clube. Isto porque, de acordo com informações do jornalista Jorge Nicola, o atacante Jô está muito próximo de conseguir sua rescisão de contrato com o Nagoya Grampus, do Japão, com quem tem contrato até dezembro deste ano, e ser anunciado como novo reforço do Corinthians nas próximas semanas.

Segundo o jornalista, Jô já havia rompido contrato com o seu clube, e o jogador deve ir à FIFA para cobrar pendências financeiras, como salários e direitos de imagem atrasados. Além disso, conforme a publicação, Jô foi alvo de outro clube, o Al-Ittihad, da Arábia Saudita, time comandado pelo técnico Fábio Carille, mas optou por voltar ao futebol brasileiro, e vestir a camisa do Corinthians.

As questões financeiras estão bem encaminhadas, e o clube paulista ofereceu um salário de aproximadamente R$700 mil ao atacante, entre vencimentos, direitos de imagem e luvas. Com isso, ele se igualaria a Cássio, Fágner e Mauro Boselli como os mais bem pagos do elenco corintiano. Ainda de acordo com Jorge Nicola, Jô deve assinar contrato com o Corinthians até 2022.

Jô deve ser anunciado como novo reforço do Corinthians. (Foto:Divulgação/Nagoya Grampus)
Jô deve ser anunciado como novo reforço do Corinthians. (Foto:Divulgação/Nagoya Grampus)

Revelado pelo próprio Corinthians, onde surgiu como um atacante muito promissor, e teve sua melhor passagem no ano de 2017, onde foi um dos principais nomes do time que foi campeão do Campeonato Paulista e do Campeonato Brasileiro daquele ano, terminando este como o artilheiro da competição.

Além do Corinthians, Jô já vestiu a camisa de outros times tradicionais do futebol brasileiro, como o Internacional e o Atlético-MG. Neste último, venceu a Copa Libertadores da América de 2013, além da Copa do Brasil e da Recopa Sul-Americana de 2014. Além disso, também atuou em times tradicionais da Europa, como o Manchester City e o CSKA Moscow.