Mesmo com o começo da temporada, os principais times do futebol brasileiro se movimentam no mercado da bola. E, nas últimas semanas, Palmeiras e Flamengo caminhavam para travar um duelo fora de campo: Os clubes iniciaram contatos com o lateral-direito Daniel Muñoz, do Atlético Nacional, da Colômbia. Mesmo com as primeiras recusas do time colombiano, o assédio pelo jogador deve continuar.

Entretanto, o bom relacionamento entre as diretorias dos dois clubes fez com que houvesse um respeito mútuo nas negociações, com o objetivo de não negociarem pelo mesmo jogador. Isso aconteceu após o Palmeiras desistir das tratativas por Michael, assim que o Flamengo realizou uma proposta oficial. Por isso, de acordo com informações do jornalista Jorge Nicola, o clube carioca não deve permanecer com o jogador em seu radar, até que a situação com o Palmeiras seja resolvida:

Daniel Muñoz está próximo de ser o novo reforço do Palmeiras. (Foto:Reprodução/Atlético Nacional)
Daniel Muñoz está próximo de ser o novo reforço do Palmeiras. (Foto:Reprodução/Atlético Nacional)

"Pelo menos nos casos do Michael e do Muñoz, existe um consenso entre os dois clubes. Posso garantir que o problema do Muñoz em relação ao Flamengo não foi uma pedida considerada alta. Eles respeitaram a proposta do Palmeiras, assim como fomos firmes com eles em relação ao Michael. Sem leilão entre os clubes." comentou Nicola.

Pelo lado do Palmeiras, mesmo com o desejo do Atletico Nacional em permanecer com um dos jogadores de confiança do técnico Juan Carlos Osorio, o Palmeiras mantém o interesse. Internamente, há grande otimismo em efetuar a contratação do atleta nas próximas semanas, contando com o desejo do jogador em uma saída. De acordo com setoristas do clube, já há uma proposta oficial na mesa do clube colombiano.