O bom filho a casa torna. Foi com estas palavras que o presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara, anunciou a volta de um dos maiores ídolos do clube nos últimos anos: O atacante Diego Tardelli. O anúncio era questão de tempo, pois horas antes, alguns dos principais meios de imprensa de Minas Gerais noticiaram que o jogador, seu empresário, Giuliano Bertolucci, e membros da diretoria do Galo realizaram uma reunião, e o acordo foi selado.

No fim da tarde da última quarta-feira, o Atlético usou as suas redes sociais para anunciar a volta de Diego Tardelli. Segundo informações de alguns setoristas do clube, o jogador assinou contrato de duas temporadas,algo que foi pedido irredutivelmente pelo clube, e com vencimentos que devem girar em torno de R$400 mil mensais. Sem clube desde que acertou sua rescisão de contrato com o Grêmio, no início de janeiro, o atleta de 34 anos é uma contratação de custo acessível, uma vez que nenhuma taxa de transferência foi paga.

A ideia do Galo é de que Diego Tardelli seja o referencial técnico do time comandado pelo técnico Rafael Dudamel. Após fracassar na tentativa de contratação de Soteldo, o Galo conta com a volta de um dos maiores ídolos do clube nos últimos anos para ter um atacante "indiscutivel", tendo em vista que o argentino Di Santo não é unanimidade e Ricardo Oliveira figura no banco de reservas.

Pelo Atlético-MG, Diego Tardelli foi campeão da Copa Libertadores da América de 2013, da Copa do Brasil de 2014, da Recopa Sul-Americana de 2014, e do Campeonato Mineiro dos anos de 2013 e 2014. Foram 110 gols em 219 partidas com a camisa do Galo.