Gabigol permanece ou sai do Flamengo no final da temporada - proposta está na mesa

Depois de conquistar os títulos da Libertadores e Brasileirão, chegou a hora de iniciar o projeto de 2020 e Gabigol é uma das prioridades do Flamengo para a próxima temporada.

Por Müller
Compartilhe

O vice-presidente de futebol do Flamengo - Marcos Braz, revelou em tom de brincadeira após as comemorações dos títulos da Libertadores e do Brasileirão que Gabigol disse a ele o seguinte: "agora, você terá que me pagar o triplo, o quádruplo". O dirigente respondeu: "Mas eu também fui campeão. Vai com calma".

Vale lembrar que as movimentações para a permanência do jogador já acontecem há mais de dois meses, no entanto, resta saber se a Inter de Milão vai firmar com que tratou com a direção do Flamengo - após ver o seu jogador dar um grande salto de qualidade.

Foco no momento decisivo, Gabigol usou desta "desculpa" para dar a resposta se fica ou não no Flamengo apenas em dezembro. Porém, com tudo agora resolvido - aqui falando das disputas em campo, os representantes do atleta que foram comunicados do acerto entre o Rubro-Negro e a Internazionale de Milão, há cerca de dois meses e meio, bem antes da final da Libertadores e da fase que decidiu o Campeonato Brasileiro, terão que decidir se ele fica ou volta para a Itália.

Pelo lado do jogador houve uma pedida salarial considerada alta - mesmo para o momento financeiro favorável que o clube vive. Os vencimentos atuais de Gabigol giram em torno de R$ 1,2 milhão - o maior salário dentro do elenco.

Durante as comemorações dos títulos conquistados no final de semana, o atacante declarou o seguinte:

"Eu nunca vou estar à frente do Flamengo", declarou na noite deste último domingo.

Segundo as últimas informações, independente das conquistas do clube brasileiro, pelos lados do time italiano está tudo acertado e há um bom tempo, em negociação conduzida pelo vice-presidente de futebol - Marcos Braz, e pelo diretor - Bruno Spindel, que por muito tempo mantiveram conversas constantes com a direção da Internazionale.

Gabriel Barbosa teria pedido um aumento salarias acima do padrão, mas a direção mesmo assim quer a sua permanência.
Gabriel Barbosa teria pedido um aumento salarias acima do padrão, mas a direção mesmo assim quer a sua permanência.

O atual contrato de empréstimo do jogador com o Flamengo é válido somente até o final de 2019 e de acordo com o site "globoesporte.com", com 16 milhões de euros, o Flamengo compraria 80% dos direitos econômicos de Gabigol, com os 20% restantes sendo da Inter de Milão.

Faltando apenas amarrar as pontas com o atacante, que tomou conhecimento das condições há um tempo, depois dos contatos do Flamengo com seus representantes. Mas ele parece não ter pressa e segue sem anunciar sua decisão.

Parece que tanto o atacante quanto o seu empresário, ainda estão abertos a ouvirem outros clubes, antes de um possível acerto com o Flamengo. Dentro do clube carioca, no entanto, há a sensação de que uma oferta de alguma equipe do primeiro escalão dos principais campeonatos da Europa é improvável. Visto que a direção do Flamengo já avisou que não entrará em leilão e não pretende aumentar um centavo do que já apresentou ao camisa 9. O clube, claro, irá aguardar a resposta.

Braz e Spindel visando uma possível recusa de Gabigol em permanecer no Rio de Janeiro e em especial no Flamengo, já buscam possíveis reforços para o ataque, antes do superaquecimento do mercado e já visando o planejamento para a temporada 2020.

Após a goleada sobre o Corinthians, no último dia 3, Marcos Braz disse que a bola está com o atacante. O vice de futebol foi claro no recado:

"A gente conversa com empresários dele, família. Chega uma hora em que começa a dar uma "afunilada". E chegou à hora. Tem que ver se ele quer jogar ou não aqui em 2020. O prazo, teoricamente, é o último dia de contrato dele. Mas, não vou ficar esperando até o último dia. Estamos em reta final de temporada. Ele é superimportante para o Flamengo. Até por essa importância, uma reposição tem que ser feita com calma e tranquilidade. A prioridade é o Gabriel, a gente quer o Gabriel. Mas, tem que ver o que ele quer", finalizou.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal