Bruno Guimarães não quer renovar contrato com o Athletico

De acordo com informações do jornalista Jorge Nicola, o jogador quer ir ao futebol europeu na próxima janela de transferências.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

Um dos destaques do time nesta temporada e tratado como prioridade de permanência na última janela de transferências, o meia Bruno Guimarães pode estar dando seus primeiros passos para uma possível saída do clube. Isso porque, de acordo com informações do jornalista Jorge Nicola, do canal de TV fechada ESPN, o jogador não quer atrapalhar uma possível saída para a Europa, e por isso, não quer renovar contrato com o Furacão.

O jogador do time paranaense tem contrato até fevereiro de 2023 e uma multa rescisória de 40 milhões de euros, considerada baixa para os clubes do Velho Continente. Para o Brasil, a multa é de R$ 80 milhões. Inclusive, o Flamengo já se colocou à disposição para pagar essa multa, mas a negociação sequer evoluiu.

Bruno Guimarães não quer renovar contrato com o Athletico. (Foto:Divulgação)
Bruno Guimarães não quer renovar contrato com o Athletico. (Foto:Divulgação)

Ainda segundo o jornalista, o jogador já deixou claro para pessoas próximas que seu desejo é de ir para a Europa o mais cedo possível, e de que está convicto que uma renovação de contrato pode atrapalhar isso. Além da ampliação do vínculo, a renovação de contrato tem intenção de aumentar as cifras da multa rescisória do jogador, o que pode afastar os grandes times do Velho Continente.

Prestes a completar 22 anos, no próximo dia 16 de novembro, Bruno Guimarães também teme que, permanecendo mais um ou dois anos no Brasil, fique "velho demais" para uma transferência a clubes de primeiro escalão na Europa. O interesse do futebol europeu no meia está longe de ser novidade, já que nas últimas semanas o PSG teve seu interesse noticiado por alguns dos principais meios de imprensa da Europa.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal