Grande sonho do Bayern de Munique na última janela de transferências, o atacante alemão LeRoy Sané segue nos planos do clube alemão. Pelo menos é o que garante o presidente dos Bávaros, Uli Hoeness.

De acordo com o dirigente, o jogador segue nos planos do Bayern de Munique, mesmo com a grave lesão sofrida no início desta temporada, onde teve que se afastar dos gramados devido a uma lesão no joelho. Esperava-se que o jogador de 23 anos pudesse ser atraído de volta à sua terra natal em meio a uma feroz competição por lugares no Etihad Stadium.

Por fim, qualquer plano de contratação teve que ser arquivado, pois Sane sofreu uma grave lesão no joelho no Community Shield. Ele está atualmente em um longo caminho para a recuperação, mas pode estar de volta à boa forma em 2020. O Bayern continuará monitorando sua situação, com a possibilidade de o sucessor de Hoeness como presidente do Bayern decidir por uma abordagem formal.

Hoeness, que anunciou que não será reeleito em novembro, disse à Sports Illustrated quando interrogado nos links Sane: "Precisamos esperar e ver como está se recuperando sua recuperação. Em janeiro ou fevereiro, os novos líderes vão se reunir e pensar".

Se um acordo fosse feito, Sane se juntaria a um esquadrão repleto de estrelas trabalhando sob a orientação de Niko Kovac. O chefe do Bayern tem enfrentado críticas desde que assumiu um cargo de destaque, mas Hoeness afirma que "nunca entendeu" por que perguntas estão sendo feitas a um homem que conquistou dois títulos nacionais.

Ele acrescentou: "Ele é um jovem treinador sem muita experiência internacional, mas ainda conquistou dois títulos e formou uma nova equipe".