Com apenas três novos nomes confirmados no elenco bávaro para essa temporada, o técnico Niko Kovac, reclamou do baixo número de reforços trazidos pela direção dos Bávaros nesta janela de transferências. Mesmo assim, o croata elogiou a chegada de Ivan Perisic, que chega por empréstimo com a opção de compra junto a Inter de Milão ao final do mesmo, no entanto, ainda diz que o seu elenco necessita de mais nomes para conseguir ser competitivo nas competições.

Na verdade o único nome trazido neste período de abertura do mercado - digamos nos meses em que a janela se abriu até aqui, foi o compatriota do comandante técnico do clube alemão, uma vez que os franceses Lucas Hernandéz e Benjamin Pavard já estavam acertados antes mesmos do final da temporada passada.

Com "poucas" contratações até agora, os Bávaros sentirão muito as saídas, lembrando que deixaram o Bayern de Munique jogadores como: Arjen Robben, Franck Ribéry, James Rodríguez, Mats Hummels e Rafinha.

"O certo é que ainda precisamos de algo a mais, precisamos nos reforçar. Estou contente com Ivan, mas sabemos também que ele pode vir a se machucar, devemos estar preparados para essa possibilidade. Precisamos de jogadores para nos reforçar e melhorar o elenco. Trabalhamos para reforçar o plantel até o dia 2 de setembro", declarou o treinador do Bayern de Munique, onde o mesmo faz alusão à data limite para contratações dentro desta janela de transferências.

Também na mesma ideia do treinador dos Bávaros, podemos lembrar que a direção do Bayern de Munique viu alguns de seus desejos para a temporada se perderem no meio das negociações, como Rodrigo, que acertou com o Manchester City e Nicolas Pépé, que fechou com o Arsenal.