Fiorentina entra na briga por Pedro, do Fluminense

Conforme informações do site NetFlu, o atacante do Fluminense deve receber proposta da Fiorentina nos próximos dias. Clube italiano conta com a concorrência do CSKA, da Rússia.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

A Fiorentina, da Itália, entrou de vez na briga para contratar o atacante Pedro, do Fluminense. O clube italiano entrou na briga com o CSKA, da Rússia, para tentar tirar o jovem jogador do futebol brasileiro. Os clubes procuraram representantes do centroavante em busca de informações como, por exemplo, a multa rescisória com o Fluminense e a situação física dele após a recuperação de cirurgia no joelho direito.                                                                                                      

Por ora, o Tricolor não recebeu qualquer proposta oficial. Há chance de os clubes formalizarem oferta até o final do mês. Nos dois países, a janela de transferência termina em 2 de setembro.  A direção do Fluminense é mantida informada sobre eventuais sondagens por parte dos empresários do atleta. A intenção da gestão do presidente Mário Bittencourt, em caso de venda de Pedro, é receber limpos 15 milhões de euros (R$ 66 milhões) pela sua parte dos direitos econômicos. Esta informação foi divulgada inicialmente pelo site NetFlu.

Pedro deve receber proposta da Fiorentina. (Foto: GE)

 O Flu tem 50% dos direitos econômicos de Pedro, cujo contrato termina em julho de 2021. A multa é de 50 milhões de euros (R$ 221 milhões). Em 2019, Pedro marcou cinco gols em 13 jogos. É titular de Fernando Diniz e defendeu a seleção do Brasil no Torneio de Toulon.
Confira abaixo as propostas oficiais recebidas pelo Fluminense por Pedro:
 
  • Bordeaux (França): 8,5 milhões de euros e 12 milhões de euros
  • Monterrey (México): 15 milhões de euros e 20 milhões de euros
  • Flamengo: 10 milhões de euros por 70% dos direitos do jogador
  • Real Madrid: 18 milhões de euros

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal