Nos últimos anos, cada janela de transferências vem apresentando ao mundo do futebol cifras totalmente surreais e muito além do que os torcedores imaginam.  Neste mercado de junho/julho, mais de 1,9 bilhão de euros (R$ 8,2 bilhões) já circularam ao redor do globo em negociações de jogadores para 2019/20, número que chama atenção pelo fato de que, oficialmente, os grandes mercados europeus só abrem para transações a partir do primeiro dia de julho, ou seja, na próxima semana.

Segundo um estudo do blog do Rafael Reis, o Chelsea foi quem mais faturou com vendas de jogadores nesta atual janela de transferências, e grande parte disso se deve por conta da venda do meia belga Eden Hazard para o Real Madrid, que oficializou a chegada deste jogador nas últimas semanas.   

Vale ressaltar que, dentre as grandes ligas do Velho Continente, somente Inglaterra e França já estão com seus mercados abertos oficialmente para chegadas e partidas de atletas. Ainda que Real Madrid tenha sacramentado inúmeras negociações até o momento, tais contratações só poderão ser legalmente confirmadas a partir do dia 1º de julho.  

 Confira a lista completa:

Clube Arrecadação parcial (até 25/06)
1) Chelsea (ING) 110 milhões de euros
2) Atlético de Madrid (ESP) 91,1 milhões de euros
3) Ajax (HOL) 90,5 milhões de euros
4) Porto (POR) 72,5 milhões de euros
5) Eintracht Frankfurt (ALE) 60,7 milhões de euros
6) Hoffenheim (ALE) 58 milhões de euros
7) Atalanta (ITA) 57,5 milhões de euros
8) Santos (BRA) 45,9 milhões de euros
9) Benfica (POR) 43 milhões de euros
10) Udinese (ITA) 39,5 milhões de euros