Final feliz para a Juventus - a direção da "Velha Senhora" confirmou neste último domingo o acerto com treinador Maurizio Sarri - ex-comandante técnico do Chelsea; por três temporadas. Em Turim, o técnico de 60 anos terá a missão de encerrar com o jejum que incomoda e muito os italianos: a conquista da UEFA Champions League.

Depois de uma passagem conturbada pelo Chelsea, onde conquistou a Europa League, ao derrotar o Arsenal pelo placar de 4 a 1 na grande final, nem tudo foi maravilhoso em sua passagem pelo clube inglês - badalado em sua chegada, o treinador italiano teve uma passagem turbulenta pelos "Blues", marcada por inúmeras críticas a forma com que conduzia o seu trabalho nos bastidores e a forma de como lidava com seus comandados.

Já na Juventus, Maurizio Sarri além de ter a missão de conquistar a Champions League na próxima temporada, também terá outra missão; a de manter a dinastia da "Velha Senhora" dentro de seu território, ou seja, dentro da Itália; indo em busca do nono título consecutivo do Campeonato Italiano.

Com o treinador já definido, a direção da Juventus poderá agora se focar em montar um time recheado de "estrelas"; formando assim uma digna seleção "mundial", com vários nomes já cogitados, entre eles o lateral brasileiro - Marcelo, do Real Madrid, que ainda não tem sua situação definida dentro do elenco madrileño. Além de Marcelo, outros grandes nomes são cogitados para reforçar o time de Turim na próxima temporada, mas muitos desses estão sendo mantidos a sete chaves.