Zagueiro Varane do Real Madrid entra na mira de Mourinho, no Manchester United.

A informação é do jornal britânico “The Guardian”, que ainda informa que o Manchester United poderá oferecer 100 milhões de euros ao jogador do clube merengue.

Por
Compartilhe

Parece que José Mourinho não está nem aí para os boatos de que pode deixar o comando técnico do Manchester United. As últimas informações dão contra de que o treinador português dos “Reds Devils” está é sim atrás de reforços para o atual elenco de sua equipe e um nome que poderá pintar em breve no time inglês é o do zagueiro Rafhael Varane, do Real Madrid.

A informação é do jornal britânico “The Guardian”, que ainda informa que o Manchester United poderá oferecer 100 milhões de euros ao jogador do clube merengue. De acordo com o diário, o zagueiro francês teria gostado da ideia de sair do Real Madrid para o United, uma vez que ele não vive bom momento no clube espanhol e gostaria de volta a trabalhar com José Mourinho.

O zagueiro francês foi lançado por José Mourinho - quando esse comandou o Real Madrid.O zagueiro francês foi lançado por José Mourinho - quando esse comandou o Real Madrid.

Mas vale ressaltar que o time comandado pelo português não é o único interessado em Varane; Paris Saint-Germain e Juventus também estariam de olho no jogador.

Mesmo não vivendo sua melhor fase no clube espanhol, Varane é muito identificado com o Real Madrid e é um dos jogadores mais respeitados do elenco merengue, entretanto, é bom lembrar que foi o técnico português quem deu a primeira chance ao zagueiro francês, quando treinou o time espanhol entre os anos de 2011 a 2013.

Com apenas 25 anos, Varane já tem um currículo impressionante de títulos. O zagueiro tem em seu currículo quatro Champions League e uma Copa do Mundo, sem contar os títulos do Campeonato Espanhol e os três Mundiais de Clubes.

Em entrevista dada em 2015, Varane ressaltou a importância de Mourinho em sua carreira, quando revelou o seguinte:

“Durante meu segundo ano no Real Madrid, Mou (como o técnico português é chamado por alguns jogadores) me deu um chute no traseiro. Eu não estava bem, não conseguia fazer o que ele queria em campo. Sabia que ele estava certo, que eu poderia render mais. Ele não precisa de longos discursos. É direto e preciso”, declarou o zagueiro na época.

Comentários