Sevilla não aceita liberar Ganso de seu contrato

Sevilla pretende negociar Paulo Henrique Ganso na janela de julho.

Por
Compartilhe

Decidido a abrir mão de receber salários até o fim do seu contrato e outros valores para ficar livre imediatamente de seu contrato junto ao Sevilla, da Espanha, Paulo Henrique Ganso teve sua proposta negada pelo clube, que pretende negociá-lo na próxima janela de transferências.

Preterido pelo técnico Vincenzo Montella, o meia brasileiro não foi liberado pelo clube – mesmo exigindo uma resolução rápida, uma vez que ainda não entrou em campo neste ano, sendo até mesmo cortado da lista dos jogadores que disputam a Champions League.

Ganso pede respeito ao Sevilla.Ganso pede respeito ao Sevilla.

Ganso que abriu mão de receber 14 milhões de euros até o final de seu contrato pretende retornar ao Brasil ou partir para outros mercados, como Estados Unidos e China. Há um ano e meio sem ter uma boa sequência de jogos, Ganso poderá ficar mais um tempo “encostados” e com isso ver seu tempo passar e é exatamente isso que está incomodando o jogador, pois acredita ele que não está sendo respeitado pelo Sevilla.

O meia que chegou a ser elogiado pela imprensa espanhola, não conseguiu uma boa adaptação ao futebol europeu e na opinião da comissão técnica do Sevilla, Ganso ficou devendo na parte física e tática.

A uma temporada e meia no clube espanhol, o jogador participou apenas de 27 partidas, sendo que destas, ele marcou sete gols apenas. Ganso viveu seu melhor momento no Sevilla sob o comando técnico de Eduardo Berrizzo, que lhe deu as maiores oportunidades de apresentar o seu futebol, mas após a saída do comandante técnico e com a chegada de Vincenzo Montella, o meia brasileiro acabou ficando até mesmo fora do banco de reservas.

Comentários