Com a não confirmação do atacante Borré, o Grêmio que já anunciou o lateral-direita - Rafinha e pode estar muito próximo de repatriar um velho conhecido de seus torcedores - Douglas Costa, pode também estar de olho no centroavante Soteldo - do Santos.

Para conseguir tirar o jogador do atual vice-campeão da Libertadores, o Tricolor Gaúcho terá que desembolsar algo em torno de US$ 5 milhões - o equivalente a R$ 28 milhões, para assim adquirir apenas 50% dos direitos econômicos do atleta.

O X da questão

O grande problema aqui é o imbróglio que envolve o jogador, que em suma fora contrato pelo Santos junto ao Huachipato - do Chile, no entanto, segundo a equipe do exterior, o "Peixe" não teria pago pelo mesmo, sendo inclusive punido pela FIFA por esse débito.

Empresário nega interesse gremista

O empresário do atacante, no entanto negou o interesse gremista em Soteldo, onde Sebastian Caño em entrevista a "Gaúcha ZH" diz que ele está focado no Santos e na temporada onde o clube paulista está na Pré-Libertadores, assim como a equipe gremista.

"Para mim, não chegou nada ainda. Nem do Santos e muito menos do Grêmio. Nosso foco atual é manter o Soteldo tranquilo para jogar pelo "Peixe". Essa é a verdade. Não estamos em nenhuma tratativa neste momento e estamos totalmente concentrados para a temporada, que será importante para o Santos e para o atacante", disse ele.

Seguindo a mesma linha do empresário do atleta, o presidente do Santos - Andrés Rueda também negou qualquer contado com o Grêmio a respeito de Soteldo: "Não chegou nada para mim do Grêmio".