Elenco do Manchester United estaria insatisfeito com o trabalho de Solskjaer, que viverá uma semana decisiva. Sim, Ole Gunnar Solskjaer está a um fio de ser demitido do cargo que hoje ocupa nos "Reds Devils", segundo o jornal inglês "Independent".

Tanto é que o elenco está desconfiando cada vez mais de sua capacidade profissional, onde esse expressa claramente no desempenho de seu time dentro de campo nas últimas partidas. É inegável que o início de temporada do United vem sendo bem abaixo do aguardado, mas não podemos esquecer que na última temporada, quando esse mesmo profissional assumiu o time, esse conseguiu uma arrancada incrível no Campeonato Inglês e na Europa League, conseguindo levar os "diabos vermelhos" de volta a disputa de uma Champions League.

Entre os atletas, existe um sentimento de "falta de vontade" por parte de seu treinador, onde segundo a reportagem, alguns jogadores do grupo afirmaram que os treinamentos estão sendo muito básicos e sem criatividade. Com base nisso, Solskjaer estaria inseguro com o calendário que virá pela frente, ainda mais sabendo da pressão e das supostas opções para ocuparem o seu lugar em caso de demissão.

Semana decisiva para seu futuro

Neste sábado, o Manchester United irá encarar o Newcastle, fora de casa pelo Campeonato Inglês; já na próxima terça-feira fará sua estreia na Champions League, diante do Paris Saint-Germain e no sábado seguinte, receberá o Chelsea no Old Trafford, novamente pela Premier League.

Com jogos decisivos em uma "semana", o futuro do técnico norueguês está a perigo e qualquer tropeço nesse caminho - principalmente na Champions League, poderá resultar em sua demissão, onde para o seu lugar já está sendo ventilados os seguintes nomes: Massimiliano Allegri e ou Maurício Pochettino.