Acabou! Depois de muitas especulações, boatos e diz que me diz, finalmente está confirmado o que muitos já previam há algum tempo. O português José Mourinho foi vencido e com isso demitido do cargo de treinador de uma das maiores equipes futebolísticas do mundo - falo do Manchester United, que anunciou a demissão do técnico após a derrota por 3 a 1 para o Liverpool, pela Premier League, nesta última segunda-feira.

O anúncio oficial da demissão de Mourinho foi feito através de um comunicado oficial do clube inglês, nesta terça-feira. Ainda segundo a nota, o time será comandado de forma interina até o fim da atual temporada. O mais cotado para essa missão é o ex-volante Carrick.

"O Manchester United anuncia que José Mourinho deixou o clube com efeito imediato. O clube gostaria de agradecer ao técnico por seu trabalho durante esse período no Manchester United e desejar sucesso a ele no futuro. Um novo técnico interino será escolhido até o fim da temporada atual, em quanto o clube conduzirá um processo de escolha de um treinador novo e permanente", diz a nota.

Desde 2016 a frente do comando técnico dos "Reds Devils", José Mourinho se despede do clube inglês com uma trajetória marcada por altos e baixos e cheia de críticas pelo desempenho apresentado por seu time nos últimos meses. Além disso, com algumas polêmicas de relacionamento e ausências de títulos de grande expressão - como a Premier League e a Champions League.

Visado a sair do comando técnico do Manchester United já há algum tempo, o mesmo acabou ocorrendo de fato poucos dias antes da virada do ano, tendo uma derrota diante do Liverpool como seu desfecho final.

Em 144 partidas a frente do comando técnico do Manchester United, José Mourinho é demito com um aproveitamento de 65,7% - tendo ele obtido 84 vitórias, 32 empates e 28 derrotas.

Em sua passagem pelos "Reds Devils" a sua maior conquista foi a da Liga Europa, conquistada na temporada 2016/2017 ao bater o Ajax - da Holanda na final. Na mesma temporada acabou ainda conquistando a Copa da Liga Inglesa e depois disso, nada mais!

Mourinho mesmo desprestigiado no atual momento tem seu nome cotado para vir assumir o cargo de treinador da Inter de Milão, em caso de demissão de seu treinador.