Na mira do City, Dani Alves pode ser impedido de assinar por questão burocrática, entenda:

Assim como na Premier Legue, quanto na Champions League, os clubes possuem uma cota de estrangeiros (17 no total) e aí que poderá entrar o problema de Daniel Alves não poder assinar com o Manchester City.

Por Minha Torcida
Compartilhe

A possível ida de Daniel Alves ao Manchester City não deverá ser fácil - tudo isso por uma questão burocrática que poderá impedir o reencontro do lateral com seu antigo treinador.

Já é sabido de muito tempo que Dani e Guardiola se entendem muito bem - desde os tempos de Barcelona; também já é sabido que os dois gostariam de voltar a trabalharem juntos, tanto que Pep Guardiola já tenta levar o brasileiro para junto de seu elenco no City desde 2017 e mesmo com o atleta livre no mercado, isso agora poderá ser impedido, veja aqui o porque:

Pep Guardiola sonha com Daniel Alves e vice-versa.Pep Guardiola sonha com Daniel Alves e vice-versa.

Assim como na Premier Legue, quanto na Champions League, os clubes possuem uma cota de estrangeiros (17 no total) e aí que poderá entrar o problema de Daniel Alves não poder assinar com o Manchester City. O clube inglês já atingiu esse número para a próxima temporada ao confirmar a contratação recente do espanhol Rodri - junto ao Atlético de Madrid, onde os citizens já contam como: Ederson, Claudio Bravo, Laporte, Mendy, Otamendi, Gundogan, Zinchenko, De Bruyne, Bernardo Silva, David Silva, Fernandinho, Mahrez, Sané, Agüero, Gabriel Jesus e Danilo.

No entanto ainda resta uma pequena chances do melhor jogador da última edição da Copa América se juntar ao elenco comandado por Pep Guardiola - isso poderá ocorrer se a direção do Manchester City aceitar negociar o alemão Sané com o Bayern de Munique ou com o Paris Saint-Germain - os dois clubes interessados no meia-atacante dos citizens - assim abriria uma vaga e essa poderia ser preenchida por Daniel Alves.

Segundo o jornal espanhol "Sport", o rendimento do jogador brasileiro na Copa América teria saltado aos olhos de Pep Guardiola e o técnico teria a convicção que o jogador revelado pelo Bahia seria a concorrência perfeita para Kyle Walker - atual dono da posição no City. Vale lembrar que o inglês foi contratado em 2017 após negativa de Dani, que na época preferiu seguir no PSG após deixar a Juventus.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal