A Copa Libertadores da América, maior competição de clubes do futebol sul-americano, chega a mais uma edição de sua gloriosa história. E, nesta sexta-feira (9), os clubes conheceram seus caminhos na primeira fase, os grupos, com jogos que iniciam já no dia 20 de abril.

Em cerimônia realizada na sede da Conmebol, em Luque, os 28 times classificados (e 4 ainda a definir) conheceram seus adversários. O sorteio teve início às 13h (Horário de Brasília) e teve transmissão do canal de TV fechada Fox Sports, do canal aberto SBT e da plataforma de pay-per-view Conmebol TV, além da página da Conmebol nas redes sociais.

Na edição 2021 da Libertadores, a premiação será a maior prevista entre todas as competições do cenário sul-americano. Para o campeão, por exemplo, só a grande final valerá 15 milhões de dólares de premiação (cerca de R$ 82,5 milhões na cotação atual), além do prêmio das fases anteriores.

Como de costume, todos os envolvidos no sorteio foram divididos em potes para o sorteio. Os critérios utilizados foram o ranking da Conmebol, além das conquistas dos títulos organizados pela entidade na última temporada (Copa Sul-Americana e Copa Libertadores da América 2020). Confira a divisão dos potes para o sorteio.

Potes do sorteio para fase de grupos da Libertadores 2021

POTE 1 POTE 2 POTE 3 POTE 4
Palmeiras Atlético-MG América de Cali - COL Always Ready - BOL
Flamengo Barcelona - EQU Argentinos Juniors - ARG Deportivo La Guaíra - VEN
São Paulo Defensa y Justícia - ARG Deportivo Táchira - VEN Rentistas - URU
River Plate Independiente Santa Fé - COL Fluminense Unión La Calera - CHI
Boca Juniors Internacional Sporting Cristal - PER G1 (pré-Libertadores)
Nacional - URU LDU - EQU The Strongest - BOL G2 (pré-Libertadores)
Olimpia - PAR Racing - ARG Universitario - PER G3 (pré-Libertadores)
Cerro Porteño - PAR Universidad Católica - CHI Vélez Sarsfield - ARG G4 (pré-Libertadores)

*G1, G2, G3 e G4 são referentes aos duelos da 3ª fase preliminar da Libertadores. Os jogos, alguns já disputados em confronto de ida, que definem as últimas equipes são os seguintes:

  • G1 / Santos x San Lorenzo - O Santos venceu o primeiro jogo por 3x1 na Argentina;
  • G2 / Grêmio x Independiente del Valle - Primeiro jogo é nesta sexta (9) às 19h15 no Paraguai
  • G3 / Atlético Nacional x Libertad - Libertad venceu o jogo de ida por 1x0 no Paraguai;
  • G4 / Júnior Barranquilla x Bolívar - Bolívar venceu o jogo de ida por 2x1 na Bolívia.

A transmissão do sorteio se deu pelo Facebook, na página oficial da Conmebol. O sorteio terminou por volta das 14h. Veja como ficaram as chaves da Libertadores 2021.

Grupos da Copa Libertadores da América 2021

GRUPO A GRUPO B GRUPO C GRUPO D GRUPO E GRUPO F GRUPO G GRUPO H
Palmeiras Olimpia Boca Juniors River Plate São Paulo Nacional-URU Flamengo Cerro Porteño-PAR
Defensa y Justíca Internacional Barcelona-EQU Santa Fé-COL Racing-ARG Univ.Católica LDU-EQU Atlético-MG
Universitario-PER Dep.Táchira-VEN The Strongest Fluminense Sp. Cristal-PER Arg. Juniors-ARG Vélez-ARG América de Cali-COL
G-2 (Grêmio / Del Valle) Always Ready G-4 (Santos / San Lorenzo) G-3 (Bolivar / Junior) Rentistas-URU G-1 (Libertad / Nacional) Unión La Calera Dep. La Guaira-VEN
(Foto:Reprodução)
(Foto:Reprodução)

Regras do sorteio dos grupos da Libertadores 2021

Para a definição da fase de grupos algumas regras foram impostas. Obviamente, a primeira era de que times do mesmo pote não poderão se enfrentar. Foi sorteado um time de cada vez, até que todos os times do determinado pote fossem sorteados na seguinte sequência: Pote 1, Pote 2, Pote 3 e Pote 4.

Outra regra bem importante: Times do mesmo país não podem estar no mesmo grupo da Libertadores. Entretanto, existe uma exceção: Se um dos times do mesmo país for oriundo das fases preliminares (pré-libertadores), este chaveamento pode acontecer.

Por exemplo: O Grêmio poderá entrar no grupo do Palmeiras (grupo A), se passar da fase eliminatória contra o Independiente Del Valle-EQU. Já o outro brasileiro, Santos, caso passe pelo San Lorenzo-ARG, entrará no grupo do Boca Juniors (grupo B).

Premiação da Copa Libertadores 2021

Assim como já acontece nas últimas edições, a Libertadores tem a maior premiação do calendário do futebol sul-americano. Para o vencedor da grande final, por exemplo, o valor pago pela Conmebol é de 15 milhões de dólares (cerca de R$82,5 milhões na cotação atual).

Para a edição de 2021, a Conmebol já divulgou que irá desembolsar, somando todas as premiações, aproximadamente 200 milhões de dólares (cerca de R$1,2 bi na cotação atual). Esta quantia será dividida entre todos os times participantes, de acordo com as suas respectivas campanhas. Confira as premiações abaixo:

  • 1ª fase preliminar: 350 mil dólares
  • 2ª fase preliminar: 500 mil dólares
  • 3ª fase preliminar: 550 mil dólares
  • Fase de grupos: 3 milhões de dólares
  • Oitavas de final: 1,05 milhão de dólares
  • Quartas de final: 1,5 milhão de dólares
  • Semifinal: 2 milhões de dólares
  • Vice-campeão: 6 milhões de dólares
  • Campeão: 15 milhões de dólares

Maiores campeões da história da Copa Libertadores da América

Maior campeão da história da competição, o Independiente, da Argentina, não estará disputando a Libertadores. O clube, que passa por vários problemas fora de campo, inclusive financeiros nos últimos anos, ficou entre uma das piores campanhas do Campeonato Argentino.

Veja a lista dos maiores campeões da história da Libertadores abaixo:

  1. Independiente: 7 (1964, 1965, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1984)
  2. Boca Juniors: 6 (1977, 1978, 2000, 2001, 2003 e 2007)
  3. Peñarol: 5 (1960, 1961, 1966, 1982 e 1987)
  4. Estudiantes: 4 (1968, 1969, 1970 e 2009)
  5. River Plate: 4 (1986, 1996, 2015 e 2018)
  6. Grêmio: 3 (1983, 1995 e 2017)
  7. Nacional-URU: 3 (1971, 1980 e 1988)
  8. Olimpia: 3 (1979, 1990 e 2002)
  9. Santos: 3 (1962, 1963 e 2011)
  10. São Paulo: 3 (1992, 1993 e 2005)
  11. Atlético Nacional-COL: 2 (1989 e 2016)
  12. Cruzeiro: 2 (1976 e 1997)
  13. Flamengo: 2 (1981 e 2019)
  14. Internacional: 2 (2006 e 2010)
  15. Palmeiras: 2 (1999 e 2020)
  16. Argentinos Juniors: 1 (1985)
  17. Atlético-MG: 1 (2013)
  18. Colo-Colo: 1 (1991)
  19. Corinthians: 1 (2012)
  20. LDU: 1 (2008)
  21. Once Caldas: 1 (2004)
  22. Racing: 1 (1967)
  23. San Lorenzo: 1 (2014)
  24. Vélez Sarsfield: 1 (1994)
  25. Vasco da Gama: 1 (1998)

Maiores campeões da história da Libertadores por país

Argentina: 25
Brasil: 2
Uruguai: 8
Colômbia: 3
Paraguai: 3
Chile: 1
Equador: 1