Libertadores pode voltar em maio, diz presidente da Conmebol

Para Alejandro Domínguez, a maior competição futebolística da América poderá ter seu retorno para o dia 06 de maio, mas isso dependerá da evolução do caso relacionado ao coronavírus.

Por Müller
Compartilhe

Com a Libertadores suspensa preliminarmente até o próximo sábado, dia 21 de março, em entrevista pública o presidente da Conmebol - Alejandro Domínguez confirmou que a competição poderá ter seu retorno prorrogado e que isso pode ocorrer no dia 06 de maio, porém, o mandatário da entidade acima citada afirmou também que essa data pode ser alterada conforme a evolução do coronavírus no continente.

Vale aqui ressaltar que na América do Sul, o "COVID-19" ainda não alcançou o chamado "pico de infectados", o que deverá ocorrer por meado de abril e maio, assim, dificilmente a competição ou a grande maioria das competições suspensas em nosso continente deverão voltar antes do dia 15 de maio - para ser bem otimista.

Alejandro Domínguez - presidente da Conmebol.
Alejandro Domínguez - presidente da Conmebol.

"Vamos seguir avaliando a evolução do problema e conforme isso transcorre durante o tempo. Mas entendemos também que, pelas previsões em um cenário ideal, a situação vai estar sob controle no mês de maio. Então, nós vemos isso como uma possibilidade de reiniciar a Libertadores no dia 06 de maio", disse o presidente da Conmebol em entrevista a ESPN - da Argentina.

Além da Libertadores, a Copa Sul-Americana também segue suspensa, ainda mais que essa está alinhavada a primeira, visto que alguns eliminados da fase de grupos da Libertadores irão se juntar a equipes que disputam a Sul-Americana em sua segunda fase.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal