A Conmebol divulgou nesta segunda-feira os potes para o sorteio das chaves da próxima edição do torneio. A cerimônia será nesta terça-feira, às 20h30 (no horário de Brasília), na sede da entidade, em Luque - no Paraguai.

O atual campeão - Flamengo é um dos três brasileiros cabeças de chave, ao lado de Grêmio e Palmeiras. Santos e São Paulo aparecem no pote 2. Já o Athletico está no pote 3 do sorteio. Corinthians e Internacional estão no pote 1 da fase prévia da competição. Os outros cabeças de chave serão: River Plate, Boca Juniors, Nacional-URU, Peñarol e Olimpia.

VEJA COMO A CONMEBOL DIVIDE AS EQUIPES POR POTES:

A Conmebol divide os potes com base no ranking da entidade, que é atualizado uma vez ao ano. A versão deste ranking para 2020 ainda não foi divulgado, portanto não é possível saber ainda a posição oficial de cada equipe. São três itens que formam a pontuação de cada clube:

  • O desempenho histórico dos clubes, nas edições de 1960 até 2009, com pontos para quem foi campeão, vice, chegou à semifinal, além de vitórias e empates em qualquer fase desde a disputa nos grupos;
  • A pontuação dos últimos 10 anos, com peso maior e decréscimo de 10% a cada edição anterior - ou seja, o Flamengo, atual campeão, teve 10% a mais em relação ao vencedor de 2018, o River Plate, e assim por diante
  • Além disso, títulos nacionais conquistados entre 2010 e 2019 também foram computados, porém com peso menor. As Copas de cada país não entram na conta.

Os times que entram na fase prévia também são divididos em dois potes para o sorteio dos confrontos e são divididos de acordo com a posição no ranking. No entanto, os quatro classificados entrarão no pote 4 da fase de grupos.

Equipes do mesmo país só ficarão na mesma chave caso uma delas tenha se classificado da fase prévia - assim sendo, o Corinthians e o Internacional podem cair em grupos onde estejam um dos demais brasileiros.

Ainda restam três vagas a serem definidas e elas virão da Bolívia e Chile - enquanto o time chileno ainda seguem indefinidos nos potes divulgados pela Conmebol. Os outros dois que vem do Chile já estão praticamente definidos, com o The Strongest já garantido, mas ainda sem saber em qual fase entrará. O outro representante do Chile sairá da Copa do país e pode ser Universidad de Chile ou Unión Española, que fazem uma das semifinais. Quem avançar à decisão herda a vaga do The Strongest.