Flamengo e Fluminense terão no início de 2021 um "baita pepino" para descascar. Sim, estamos falando a respeito do mando de jogos da dupla Fla-Flu no Maracanã, que será o grande palco da final da Libertadores 2020.

Devido a série de protocolos de preparo da partida do dia 30 de janeiro, pela grande final da Libertadores da América, a Conmebol ficará responsável pelo Maracanã, deixando os administradores do mesmo em alerta a partir do dia 11 de janeiro, onde neste cenário, Flamengo e Fluminense terão que encontrar outros lugares para mandar seus jogos pelo Campeonato Brasileiro.

Flamengo

O "Mengão" poderá ser afetado em apenas uma partida, diante do Palmeiras, pela 31ª rodada do Brasileirão.

Fluminense

Já o "Tricolor", esse sim terá que buscar um novo palco para mandar suas partidas em pelo menos três delas pelo campeonato nacional; contra Sport, Botafogo e Goiás.

Conmebol

Vale aqui salientar que esse "empréstimo" do Maracanã para a entidade máxima do futebol sul-americano já está acertado desde a sua candidatura para sediar a final única da Libertadores. Algo até mesmo já conhecido pela Confederação Brasileira de Futebol.

A Conmebol no entanto ainda não comunicou as partes de quando assumirá o estádio para os preparativos da grande decisão em destaque, mas ao que tudo indica é de que essa venha pedir a "pose" do Maracanã já a partir do dia 11 de janeiro, o que inegavelmente teremos aí um impacto na tabela do Brasileirão.

Flamengo diz ainda não ter recebido nenhum comunicado oficial da situação e aguarda um posicionamento por parte da Conmebol. Por sua vez, o Fluminense está ciente e acredita ser viável manter ao menos o último confronto, um dia após a decisão da Libertadores, diante do Goiás; aguardemos por maiores informações!