Torcedora grávida do Flamengo rebate Renato Portaluppi - treinador do Grêmio

Depois de ter dito que "até mulher grávida faria gol em sua equipe"; tal declaração não pegou nada bem por parte das torcedoras gestantes do Flamengo, que responderam a ele.

Por Minha Torcida
Compartilhe
Grvida de nove meses - Amanda Alves - torcedora do Flamengo - imagem: Alexandre Cassiano/Agência O Globo.
Grávida de nove meses - Amanda Alves - torcedora do Flamengo - imagem: Alexandre Cassiano/Agência O Globo.

Depois de declarações polêmicas em sua coletiva após a derrota acachapante diante do Flamengo, pela semifinal da Libertadores, no Maracanã, na última quarta-feira, Renato Portaluppi que entre tantas coisas que disse nesta mesma, declarou que "até mesmo uma mulher grávida faria gol" em sua equipe, foi "rebatido" por uma torcedora do Rubro-Negro, nesta última quinta-feira.

A declaração do treinador do Grêmio acabou sendo infeliz e recebida como surpresa e repúdio por uma mamãe de primeira viagem. Grávida de nove meses, Amanda Alves, que dará a luz a Athena, nesta sexta-feira, fez questão de dar uma "cutucada" no treinador gaúcho.

"Acredito que a declaração dele foi bem preconceituosa e machista, porque ele acabou inferiorizando todas as mulheres, principalmente as grávidas. É óbvio que a gestação impõe algumas limitações físicas, especialmente na reta final, mas a grávida é uma guerreira. Carregar um bebê dentro da barriga por nove meses não é nada fácil. Acho que ele ficou bastante desorientado com o passeio do Flamengo e acabou falando essa bobagem para justificar a goleada que sofreu", declarou a mulher, torcedora e gestante.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal