Guillermo Schelotto está fora da grande decisão entre Boca e Palmeiras, pela Libertadores

O anúncio foi feito pela entidade máxima do futebol na América do Sul nesta manhã de terça-feira, que puniu os dois treinadores argentindos semifinalistas da Libertadores.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Assim como irá ocorrer com o River Plate diante do Grêmio nesta terça-feira, ocorrerá com o Boca Juniors, amanhã, quarta-feira diante do Palmeiras. A Conmebol suspendeu os técnicos argentinos diante dos times brasileiros no segundo duelo pelas semifinais da Libertadores. A pena é em virtude do atraso dos times ao regressarem a campo na Argentina após o intervalo de jogo.

Guillermo Schelotto está fora do confronto diante do Palmeiras, em São Paulo.Guillermo Schelotto está fora do confronto diante do Palmeiras, em São Paulo.

O anúncio foi feito pela entidade máxima do futebol na América do Sul nesta manhã de terça-feira. Com a pena, nem Marcelo Gallardo - River Plate, nem Guillermo Schelotto - Boca Juniors poderão estar a beira do gramado para comandarem suas equipes no segundo duelo das semifinais da Libertadores diante de Grêmio e Palmeiras - respectivamente. Por sua vez, Schelotto não poderá nem mesmo ter contado com os jogadores do Boca no vestiário ou no banco de reservas - além disso, está proibida a comunicação entre o treinador do time argentino com seu auxiliar técnico via celular durante a partida ( o que também deverá valer para o treinador do River Plate, uma vez que a pena para os dois é a mesma).

Tanto técnico, como clube, foram ainda punidos com uma multa financeira que será descontada dos valores que o clube tem a receber por premiação ou direito de imagem dentro da competição sul-americana.

Boca Juniors e Palmeiras se encaram nesta próxima quarta-feira, às 21h45, na Allianz Arena, em São Paulo - o time argentino poderá perder por um gol de diferença que estará classificado as finais da Libertadores, uma vez que venceu o primeiro confronto pelo placar de 2 a 0 na Argentina - um novo 2 a 0, agora para o Palmeiras, levará a decisão para os pênaltis. Vale lembrar que nessa fase existe o gol qualificado, ou seja, se o time argentino marcar um gol na quarta-feira, o time brasileiro será obrigado a vencer a partida por três gols de diferença.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal