A estreia do novo treinador corintiano a frente do time não foi à esperada, mas mesmo com a derrota sobre o Milionarios em plena Arena, na Libertadores, o clube brasileiro terminou a fase de grupos da competição em primeiro lugar em sua chave.

Para muitos poderá parecer que o Corinthians não jogou bem, mas pelo contrário, em boa parte do confronto o time comandado por Osmar Loss dominou o jogo, tendo inclusive as melhores oportunidades para abrir o placar, porém, viu o meio-campista Carrillo acertar um belo chute que deu a vitória por 1 a 0 ao Milionarios, nesta última quinta-feira, em Itaquera, pela competição sul-americana.

Seguindo a mesma linha de seu antecessor - Fábio Carille, Loss repetiu o esquema até então utilizado pelo time (4-4-2), permitindo que Rodriguinho tivesse liberdade no ataque, tendo ele ótima movimentação, abrindo os espaços na defesa adversária. Vale salientar que os principais lances passaram pelos pés do meia-atacante. Outro que teve um bom desempenho foi o garoto Pedrinho, que em quanto teve fôlego, incomodou bastante a defesa adversária.

Rodriguinho - principal articulador do Timão.

Mas nem tudo foi conforme o esperado! Com Maycon atuando mais avançado, o Timão teve alguns problemas para fechar as linhas de marcação, o que permitiu o Milionarios a se infiltrar entre a defesa e o meio campo, dando trabalho a Gabriel e foi desta maneira que Carrillo chegou ao gol da vitória colombiana.

Além da marcação não funcionar conforme desejado, o Corinthians abusou nos passes errados - principalmente na primeira etapa. O time conseguia conduzir a bola até a área adversária, mas na hora do último lance, pecava. E assim foi a tônica da estreia do novo treinador corintiano, em partida válida pela Libertadores.

Milionarios comemorando o gol da vitória em plena Arena Corinthians.

Mesmo com a derrota - conforme já declaramos acima, o Corinthians terminou a fase de grupos na liderança do Grupo 7 e na fase de mata-mata, pegará um dos oito segundo colocados - Cerro Porteño, Colo-Colo, Atlético Tucumán, Flamengo, Racing, Estudiantes, Independiente ou Boca Juniors. Com os mesmos 10 pontos do Independiente, o time brasileiro alcançou a liderança de seu grupo, graças ao saldo de gols, que foi superior ao do time argentino.

O sorteio das oitavas de final da Libertadores será no próximo dia 04 de junho, na sede da Conmebol, no Paraguai. Agora, em quanto aguarda o sorteio para saber seu próximo adversário na competição sul-americana, o Timão se voltará para o Brasileiro, onde no próximo domingo irá encarar o Internacional, pela sétima rodada do campeonato nacional - o jogo será em Porto Alegre, às 16h.