Buffon diz que repensa sobre aposentadoria se conquistar a Champions

Buffon volta a reafirma que irá deixar o futebol no final da temporada, a não ser que a Juventus conquiste a Champions League.

Por
Compartilhe

Aos 39 anos de idade, Gianluigi Buffon após ser eleito o melhor goleiro do futebol mundial, voltou a reafirmar que irá deixar o futebol ao final da temporada, em contrapartida, afirmou nesta última segunda-feira que só não se aposenta se a Juventus conquistar a Champions League, um título que o arqueiro jamais conquistou em sua carreira.

Gianluigi Buffon - goleiro da Juventus.Gianluigi Buffon - goleiro da Juventus.

“Não vai ter mudanças sobre esse assunto, estou plenamente consciente da escolha que fiz e irei segui-la. Não me arrependo de ter jogado mais dois ou três anos do que havia planejado, mas chegou à hora de deixar que Szczesny tenha uma grande oportunidade no gol da Juventus. Com um goleiro como o Szczesny na minha sombra é normal que eu tome esta decisão. A única forma de poder repensar e ficar por mais uma temporada seria vencer a Champions League desta temporada. Aí ia pensar que teria que continuar para vencer o Mundial de Clubes”, declarou o arqueiro após receber a premiação da FIFA que aconteceu na última segunda-feira, na Inglaterra.

Com 22 títulos conquistados em sua carreira, Buffon irá completar 16 temporadas na Juventus, onde durante esse tempo todo, ele participou de 632 partidas e assim se tornou um dos maiores ídolos da equipe italiana, do futebol italiano e do mundo.

Buffon viveu um de seus maiores momentos no futebol em 2006, quando ajudou a Seleção Italiana a conquistar o quarto título Mundial, na Copa do Mundo da Alemanha. Pela seleção, o arqueiro vestiu a camisa da “Azurra” por 173 vezes.

Comentários