Um dos destaques da vitória uruguaia sobre o Chile, por 2 a 1 pelas Eliminatórias Sul-Americanas, em entrevista coletiva teve que falar aos repórteres sobre sua saída do Barcelona, onde o camisa 9 não fugiu das perguntas.

Claro que estamos falando de Luís Suárez, que após o confronto entre Uruguai e Chile respondeu perguntas pertinentes a sua troca de clube na Espanha. O jogador de 33 anos sem "papas na língua" abriu o jogo para os repórteres e falou que não gostou da maneira como sua saída do Barcelona foi conduzida, declarando que Messi foi outro que não gostou nadinha de vê-lo sair do time.

"Eu não fiquei surpreso sobre Messi. Eu conheço muito bem e sei a dor que ele sentiu, assim como eu senti", comentou Luisito.

Situação desagradável

Ainda com relação a sua saída do Camp Nou, o atacante uruguaio também deixou bem claro que o Barcelona não soube conduzir bem a situação.

"Assim como Messi, eu também senti que me chutaram para fora do clube, pela forma que isso foi conduzido. Existiam outras formas de fazer as coisas acontecerem com relação a mim, foram seis longos anos e isso também o irritou. Eu o considero um amigo e ele sabe o quanto nós sofremos", destacou o jogador do Atlético de Madrid.

Para completar sobre o assunto "saída Barcelona", Luís Suárez declarou o seguinte:

"A minha família sempre quis me ver feliz. Aconteceram coisas estranhas no Barcelona, como eles te mandarem treinar em separado do grupo principal porque você não estava relacionado para o jogo. Esse tipo de coisa me deixou muito mal e minha família viu que estava me afetando, então eles me encorajaram a procurar outra oportunidade. Quando o Atlético me procurou, eu não hesitei em nenhum momento. É claro que eu preciso me acostumar com vários temas, mas estou feliz no novo clube".