Gustavo Scarpa entra na justiça contra o Fluminense, que lamenta a ação

Gustavo Scarpa pede na justiça todos os seus ganhos atrasados e mais o valor dos salários até o fim de seu contrato.

Por
Compartilhe

Após não se reapresentar para a pré-temporada e ficar alguns dias incomunicável, o maior temor da direção do Fluminense se confirmou; Gustavo Scarpa entrou mesmo com uma ação judicial solicitando sua rescisão unilateral – o jogador alega na ação atrasos no pagamento de salário e outros encargos.

Segundo a direção “Tricolor”, mesmo sem ainda ter sido notificada, ela já está ciente do caso. Enquanto o atleta aguarda pela liminar para assim acertar sua vida com outro clube, o Fluminense tenta de todas as formas uma solução amigável e até mesmo admite liberá-lo, desde que Scarpa se apresente e aceite um acordo com o clube.

Fluminense: Gustavo Scarpa.Fluminense: Gustavo Scarpa.

Desde a última quarta-feira, quando o jogador não se reapresentou com o restante do elenco, a direção do Fluminense procurava ações na Justiça do Trabalho e ao mesmo tempo em que vasculhava tais “ações”, também corria para saldar o que devia, mas como Scarpa entrou com a devida ação antes do Natal, o risco do juiz aceitá-la é muito grande.

Na “ação”, o jogador cobra o pagamento de todos os atrasados, bem como salários, direito de imagem, 13º salário, férias e FGTS. Além da quitação de todos os seus ganhos atrasados, Scarpa também pede na ação a quitação de R$ 9,2 milhões referentes ao pagamento de todos os seus salários até o fim do contrato, que encerra em 2020.

Em nota publicada neste último final de semana, o time das “Laranjeiras” acusa o jogador de ter “virado as costas” para o clube que lhe abriu as portas.

“Ao se confirmar a informação veiculada pela imprensa, lamentamos profundamente a postura do atleta Gustavo Scarpa que, ao invés do entendimento, procurou dar as costas ao clube que lhe abriu as portas para o mundo.

O ajuizamento dessa ação nos surpreende e nos entristece, sobretudo por se tratar de um atleta da base, que sempre teve por parte do clube, o reconhecimento e a consideração, tanto que lhe foi, no último ano, concedido aumento de salário durante a vigência do contrato.

Sabiam atleta e empresário, do nosso esforço para honrar os compromissos e da nossa disposição em abrir negociações para sua transferência, de forma que esta pudesse ser feita de maneira digna.

Esforçamos-nos muito, os pagamentos foram feitos e vamos lutar para que o vínculo seja mantido”.

De acordo com as últimas informações, o jornal “Estado de S.Paulo” publicou uma manchete no final de semana declarando que o provável destino do jogador poderia ser o São Paulo, mas em virtude da ação movida por ele e pelo pagamento em dia ao jogador, o Fluminense tentará de todas as formas permanecer com o atleta, o que poderá atrapalhar o mesmo em uma transferência para outro clube.

Confira aqui parte da ação movida pelo jogador contra o Fluminense:

1ª folha.1ª folha.

2ª folha.2ª folha.

3ª folha.3ª folha.

Comentários